WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
prefeitura ilheus transporte ilegal

:: ‘Mário Alexandre’

Trânsito desorganizado em Ilhéus gera caos

A situação dos semáforos quebrados vem ocasionando problemas sérios no trânsito de Ilhéus, e os motoristas tentam adivinhar de quem é a preferência nas vias.

Na manhã desta quarta-feira (05), quase flagramos um acidente na Av. Petrobras. Não é de agora que a empresa GCT, responsável pelas multas e semáforos em Ilhéus, vem prestando um desserviço ao município.

Ela vem desde o governo Newton Lima, sobreviveu à administração Jabista, e se mantém na atual gestão de Mário Alexandre.

Engarrafamento sentido zona sul, Av. Lomanto Junior. Foto de Edval Santana.

Além do problema dos semáforos, a “genialidade” de prepostos da prefeitura de Ilhéus em asfaltar em horário de pico a recém-criada rotatória da Zona Sul, ocasionou um verdadeiro caos aos motoristas. O congestionamento chegou até a Praça Cairú, centro da cidade.

Por meio das redes sociais, o vice-prefeito José Nazal entendeu a reclamação dos ilheenses, e em nome do governo pediu desculpas pelo ocorrido. “Fica aqui meu pedido pessoal de desculpa pelo ocorrido, mesmo não tendo culpa direta pela decisão, mas entendo também ser responsável por ser gestor”, disse Nazal.

Ilhéus: Prefeito Mário Alexandre solicita melhorias no transporte coletivo

Reunião o prefeito Mário Alexandre pediu a adoção de providências visando melhorias na prestação do serviço de transporte público à população – Foto Clodoaldo Ribeiro.

O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, esteve reunido, na tarde de quinta-feira, 30, com diretores das empresas concessionárias do transporte coletivo no município, Josemir Dias Sobrinho, da Viação São Miguel, e Carlos Bahia, da Viametro, e pediu a adoção de providências visando melhorias na prestação do serviço de transporte público à população. O encontro contou com a presença do secretário de Indústria e Comércio, Paulo Sérgio dos Santos.

Na ocasião, o prefeito solicitou o aumento das linhas de ônibus para atender a demanda de toda a cidade e a modernização da frota atual, inclusive com veículos dotados de ar condicionado. E ressaltou que essas questões de melhor estruturação do serviço representam uma reivindicação antiga da comunidade ilheense.

O prefeito ainda tratou sobre a possibilidade de implementar o sistema de transbordo, que poderá melhor atender às necessidades da população que utiliza o transporte público. A princípio, Mário Alexandre solicitou a elaboração de um estudo técnico da situação da frota dos ônibus, na maior brevidade de tempo possível, para que se possa adequar o serviço à demanda da sociedade.

Ele pontuou que faz parte do projeto do governo municipal manter a ação permanente de melhoria nos acessos às comunidades rurais, através das estradas vicinais. “Com as melhorias nessas estradas, podemos ampliar a extensão das linhas de ônibus para os distritos”, acrescentou.

Prefeitura de Ilhéus explica valores do contrato transporte escolar

O secretário de Administração, Bento Lima, considera que a licitação trouxe diversas vantagens para a municipalidade – Foto Clodoaldo Ribeiro.

Na ultima terça-feira (14) o Blog Agravo trouxe com exclusividade o valor do contrato do transporte escolar no governo de Mário Alexandre, fazendo um comparativo com o mesmo serviço no ex- governo do prefeito Jabes Ribeiro. ( Clique aqui para ler)

A empresa Dzset Transporte e Logística Ltda-Me foi contratada no valor de R$ 5.523.000,00 (cinco milhões e quinhentos e vinte três mil reais), bem acima do contrato do governo anterior.

O Blog Agravo questionou os valores, e na última quarta-feira 16, a prefeitura de Ilhéus convocou uma coletiva com a imprensa para explicar e fazer o comparativo dos contratos, presente e anterior.

A secretaria municipal de Educação informou que o transporte e a merenda escolar são prioridades como parte da estratégia do governo para oferecer um ensino de qualidade. Para isso, a prefeitura realizou uma licitação para contratação de empresa de transporte escolar, que já está atendendo à população estudantil da extensa zona rural de Ilhéus. A vencedora, DZ7, tem experiência comprovada no segmento, com prestação de serviços em diversos municípios baianos e também para o Governo do Estado.

O novo contrato prevê o pleno atendimento a 26 linhas, contra apenas 11 linhas que vinham sendo contempladas pelo serviço, até o final de 2016, além de um melhor padrão de serviços, mais condizentes com a estratégia educacional desenhada pela nova gestão, para aperfeiçoar o sistema e atender bem aos cidadãos. O atual contrato impede, também, a substituição de ônibus, micro-ônibus e vans, por kombis, por exemplo, prática que vinha se repetindo, devido à falta de controle e de fiscalização sobre os serviços executados.

O secretário de Administração, Bento Lima, considera que a licitação trouxe diversas vantagens para a municipalidade, como a diminuição de custos e a importância de aspectos que impeçam a repetição de irregularidades como algumas levantadas pela Controladoria Geral da União – CGU, ao auditar a licitação e o contrato dos serviços de transporte escolar, realizados pelo governo anterior. “A Prefeitura pagará por quilômetro rodado, abolindo o pagamento por diária do serviço, como vinha acontecendo”, explica Bento.

Para definição dos preços foram consideradas as condições das estradas em cada rota, o que resulta em valores diferentes pelo serviço. “Assim, evitamos a possibilidade de alteração do pagamento por uma linha mais extensa, quando o serviço é prestado numa linha menor. Na prática, a nova contratação, no valor de 5,5 milhões de reais, atende a mais do que o dobro de linhas que vinham sendo praticadas, a um custo relativamente menor. Caso fosse aplicado aos serviços prestados atualmente, o previsto no contrato vencido, o município estaria pagando até 660 mil reais, por mês, ao passo que pelo contrato e preços atuais esse teto não ultrapassará 435 mil reais, com uma diferença de 225 mil reais”, explica o secretário.

Ao mesmo tempo, a Prefeitura de Ilhéus está recuperando a frota própria de ônibus escolares, num total de 17 veículos, para reutilização do transporte de estudantes. Segundo a secretária Eliane da Silva, ao assumir a Secretaria de Educação, encontrou a frota inoperante, com todos os ônibus do programa Caminho da Escola sem condições de uso, devido a falta de manutenção. Desde então, a Prefeitura já recolocou oito veículos em condições de uso, e prevê que mais três poderão entrar em funcionamento até a próxima semana, com a possibilidade de toda a frota própria esteja rodando até o final de abril. “Infelizmente, pelos nossos levantamentos, dois ônibus são irrecuperáveis, devido ao péssimo estado de conservação, haja vista que o custo elevado inviabiliza tal recuperação. É lamentável, porque quanto mais ônibus próprios para atender à demanda, menos terceirizados prestando os serviços e, consequentemente, menor despesa para o município”, disse Eliane.

Existe um jogo político e econômico para acabar com o porto de Ilhéus

Por Jamesson Araújo

Porto do Malhado/Ilhéus. Foto de Jamesson Araújo.

Nos últimos 20 dias, o porto de Ilhéus foi pauta de três grandes reuniões da sociedade civil organizada, abordando o seu sucateamento supostamente proposital, por parte da sua administradora estadual, no caso a Companhia de Docas da Bahia (Codeba).

Atualmente, o terminal marítimo ilheense tem um déficit vertiginoso de entradas e saídas de navios, em comparação com alguns anos anteriores. Uma das maiores preocupações de todos os trabalhadores e representantes de órgãos ligados à questão portuária, é em relação à dragagem que deve ser feita no local, para que as embarcações possam atracar sem maiores problemas.

Para alguns sindicatos que formam uma comissão em prol do porto, existe uma manobra política para sucateamento proposital do porto do Malhado, visando favorecer o porto de Aratu, em Salvador.

“Tudo que é feito para o porto de Ilhéus é de má vontade. Ficamos sabendo que a prioridade da Codeba é sempre o porto de Aratu”, afirmou o presidente do Sindicato dos Estivadores de Ilhéus, Geraldo Assunção.

Já outros sindicalistas são mais diretos, e afirmam que existe uma manobra da empresa Intermarítima, e do senador Otto Alencar (PSD), para desconstrução do porto de Ilhéus, objetivando conseguir uma concessão por meio de uma privatização.

Um levantamento feito pela comissão mostra que o calado do porto de Ilhéus é de 9.3 metros, e do jeito que caminha, já em 2018, dificilmente um navio conseguirá atracar.

Segundo China, secretário do Sindicato dos Portuários, há mais de 20 anos não é realizada uma dragagem de aprofundamento, e que a diminuição do calado, está inviabilizando a operação de cargas, tornando o porto mais caro, sendo que os navios têm que sair sublocados, ou seja, com metade das cargas.

O problema do calado, de acordo com China, pode atrapalhar até a atracação de navios de turistas. “Em períodos de maré baixa, os navios de turismo, que não requerem um grande calado, quando saem levantam lama, tocando no chão. Para a próxima temporada, já haverá navios que não conseguirão mais atracar por causa do calado, e, devido a isso, estão saindo da rota”, salientou.

Durante essas reuniões, algumas informações chegaram a chocar os convidados, entre elas a de que muitas fábricas que estão no polo industrial de Ilhéus estão despachando seus produtos pelo porto de Aratu. Outra é de que não há nenhuma movimentação por parte do governo municipal para fortalecer o porto.

Sindicalistas lembraram como exemplo comparativo, a luta da prefeitura de Santos/SP, para fortalecer seu porto, que é grande gerador de receitas ao município.

“É fácil você ver nos corredores de Brasília, o prefeito de Santos correndo atrás de investimentos para o porto da cidade, e fechando parcerias empresariais”, desabafou um dos sindicalistas.

Mesmo que o porto de Ilhéus seja administrado pelo estado, ele primeiramente é do município, está instalado no município, e é um vetor econômico que poucas cidades litorâneas do mundo possuem. O que o governo municipal está esperando para entrar nessa briga?

Em fevereiro, trouxemos uma matéria com a explanação do consultor portuário, Libério Menezes, classificando a situação do porto como complicada. Na ocasião, ele afirmou que o terminal local tem todas as condições de seguir como fonte de receitas para o município, e ampliar muito os números, “bastando que haja interferências positivas por parte das autoridades competentes, para melhorias tanto na parte da infraestrutura, e, em mesmo grau, nos avanços das questões comerciais”.

Para ilustrar a importância de tal situação, Menezes citou que a chegada de um navio cargueiro, com 15 mil toneladas de cacau, gera mais dividendos ao município, do que todos os transatlânticos em uma temporada.

Em nosso entendimento, depois de ouvir sindicalistas e especialistas portuários, chegamos à conclusão de que há, sem dúvidas, um jogo político e econômico para acabar com o porto de Ilhéus!

Cabe aos nossos representantes políticos tomar providências imediatas. Pelo menos é o que se espera de pessoas eleitas democraticamente para representar Ilhéus e os seus interesses.

Invasão jabista no governo Marão

Editorial do Blog Agravo

Apesar de ter apenas dois meses de mandato, cedo para avaliações, o atual gestor ilheense, Mário Alexandre, precisa acordar do êxtase eleitoral.

O prefeito deve estar atento ao número de jabistas em seu governo, em pontos estratégicos, a exemplo da Saúde, Educação, Assistência Social, setor de licitação, e Infraestrutura.

Com o discurso de que “depois da reforma administrativa acomodará os aliados”, o governo ainda não encaminhou o projeto de lei para o legislativo. O mais grave, existem pessoas sem ter sido nomeadas, falando em nome do governo.

O certo é que a atual gestão municipal continua com o corpo do governo de Jabes Ribeiro. Figuras que tinham esquema no jabismo, continuam dando as cartas no novo governo.

A exemplo da fábrica de Asfalto, que apesar de ter sido adquirida com recursos próprios da prefeitura, foi terceirizada a uma empresa privada com raízes jabistas. O ex-governo dava a desculpa de que não tinha nenhum servidor treinado para manusear a fábrica.

Qual será a justificativa do atual Governo?

Prefeito de Ilhéus assina ordem de serviço para reforma e ampliação da Unidade de Saúde do Malhado

O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, assinou a ordem de serviço para a reforma e ampliação da Unidade Básica de Saúde (UBS) Sarah Kubistchek, localizada no Parque Infantil, bairro Malhado. Acompanhado pelo vice e secretário de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável, José Nazal, o evento contou ainda com a presença dos secretários, vereadores, funcionários, assessores municipais, líderes comunitários e imprensa.

A obra prevê a substituição do telhado e a ampliação da sala de espera, da copa, do consultório odontológico, da farmácia e da sala de reuniões. Além disso, haverá colocação de piso cerâmico e forro em gesso e PVC e a revisão das instalações hidrossanitárias e elétricas. Serão criados novos espaços, como a sala de esterilização e os depósitos de material de limpeza (DML) e de lixo (infectante e não infectante).

Segundo cronograma, a obra da UBS Sarah Kubistchek começa neste sábado e será concluída até junho de 2017. Com o ato, o prefeito Mário Alexandre continua uma série de realizações na saúde, que é considerada prioridade em sua gestão. “É um compromisso que assumimos com o povo de Ilhéus, visando melhorar a qualidade do serviço e dar atendimento humanizado a toda comunidade da zona norte e das demais regiões da cidade”, salientou o prefeito.

Mudança – Com a obra, a prestação de serviços promovida na Unidade Básica de Saúde Sarah Kubistchek passa a ser feita na sede do Centro Social Urbano (CSU), localizada no bairro da Barra, também na zona norte da cidade, a partir de segunda-feira, dia 30.

Mário Alexandre quer a revitalização da área do antigo Porto de Ilhéus

Inconformado com a situação de abandono da área do antigo porto de Ilhéus, localizada no centro histórico da cidade, o prefeito Mário Alexandre manifestou a ideia de revitalizar o local. Nesse sentido, encaminhará documento ao Ministro de Estado dos Transportes, Portos e Aviação CivilMaurício Quintella Malta Lessa, e iniciará tratativas com a Codeba (Companhia Docas do Estado da Bahia), através do presidente Pedro Antônio Dantas Costa Cruz, a fim de reivindicar que o restante da referida área portuária, passe a ser gerenciado pelo município, com o objetivo de desenvolver projetos para o local, além prospectar investimentos visando a sua revitalização.

Desativado desde o início dos anos 70, quando o Porto do Malhado começou a operar, a área do antigo porto de Ilhéus, na Baía do Pontal, foz do Rio Cachoeira, pertencente à Codeba, foi deteriorando até que o estado de abandono sucateou a sua estrutura e se tornou um grave problema para a importante área central da cidade. Vista de perto ou do bairro do Pontal, o local apresenta aspecto caótico à paisagem urbana de Ilhéus.

Além de o local servir para o acúmulo de lixo e esconderijo de meliantes e usuários de drogas, ainda há o risco de acúmulo de água parada onde se reproduzem mosquitos que disseminam doenças e animais peçonhentos. Não fossem algumas providências e a situação estaria pior. Há alguns anos, a Prefeitura de Ilhéus, após entendimentos com a Codeba, demoliu dois armazéns cujas estruturas estavam bastante comprometidas, transformando a área em estacionamento para veículos. Por sua vez, a instalação do Porto Pesqueiro, pela Bahiapesca/Governo do Estado, veio de encontro às expectativas dos ilheenses de revitalização da área, com o uso destinado às suas vocações.

Plano – Nesse contexto, o prefeito Mário Alexandre incumbiu ao vice-prefeito José Nazal, secretário de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável, a missão de analisar eproporalternativas para que o espaço seja reintegrado à vida da cidade.  Para o prefeito, a área é estratégica e sua revitalização deve atender ao programa de desenvolvimento do turismo e do comércio de Ilhéus, além de servir como opção de lazer para a população.

“Não é sensato que um espaço tão nobre da nossa cidade continue em completo estado de abandono, sendo um destaque negativo do nosso principal centro urbano. Queremos, sob autonomia municipal, dar encaminhamento a soluções que transformem a área do antigo Porto de Ilhéus em uma referência e que seja motivo de orgulho para o nosso povo”, explicou o prefeito.

Prefeitura de Ilhéus sem telefone e sem internet

O primeiro dia de trabalho do novo governo de Ilhéus foi bastante prejudicado. O prefeito Mário Alexandre e sua equipe encontraram os telefones e internet da Prefeitura cortados. O transtorno impossibilitou diversas providências que precisavam ser adotados a fim de garantir o bom andamento dos serviços prestados à população, sobretudo nesta época do ano em que a cidade se encontra cheia de visitantes, com significativo aumento do número de veículos que transitam nas vias públicas e da produção de lixo.

Na semana passada, o Blog Agravo trouxe com exclusividade o corte da internet e telefone na prefeitura de Ilhéus, devido a uma dívida de mais R$ 1.800.000,00 junto a empresa OI.

Para suprir a deficiência e evitar interrupções dos trabalhos, os novos gestores foram obrigados a utilizar aparelhos particulares para comunicação e ancoragem na internet, dando prosseguimento aos trabalhos, mesmo sem o funcionamento a contento.

A atitude tempestiva da procuradoria do município, ingressando imediatamente, nesta manhã, 02/01, com uma ação declaratória com pedido de tutela antecipada contra a Telemar Norte e Leste e Oi Móvel S.A. reverteu a situação, após a concessão de liminar pelo Excelentíssimo Juiz de Direito Plantonista Guilherme Vieito Barros Júnior. :: LEIA MAIS »

Governador Rui Costa passa Réveillon em Ilhéus e comemora números na corrida eleitoral

Vereador Alisson Mendonça, prefeito Mário Alexandre e o governo Rui Costa em papo descontraído.

O governador Rui Costa já está em Ilhéus onde vai passar a virada de ano. Na manhã deste sábado (31) participou de um churrasco na casa do prefeito eleito Mário Alexandre (PSD), juntamente com o secretário estadual de saúde, Fábio Vilas Boas, e o futuro secretário municipal de relações institucionais, Alisson Mendonça ( PDT).

À noite o governador vai acompanhar a festa de Réveillon no Batuba Beach. Esse é o segundo ano que Rui passa a virada do ano em Ilhéus.

Corrida eleitoral 2018

Nesta sexta-feira (29), o Blog Agravo conversou com um petista de “alta patente” no governo estadual e do próprio partido, que confidenciou uma pesquisa de consumo interno que mostra Rui numa posição extremamente confortável na corrida eleitoral ao governo do estado 2018.

O petista ressaltou ao Blog, que Rui conseguiu recuperar a credibilidade do governo no sul da Bahia, com a execução de obras importantes como o Novo Hospital Costa do Cacau, além da celeridade nas obras da barragem de Itapé e a nova ponte de Ilhéus.




Prefeitura de Ilhéus tem internet cortada por débito de 1,8 milhões de reais com a OI

O Prefeito Jabes Ribeiro vai deixar débito gigantescos de conta de internet para o prefeito eleito Mário Alexandre.

A prefeitura de Ilhéus teve a internet cortada e vem encontrando dificuldades para devolver trabalhos administrativos.

Segundo informações colhidas pelo Blog Agravo, somente a Secretaria de Assistência Social tem um débito de R$ 500 mil reais ( Quinhentos Mil Reais), do total de R$1.800.000,00 ( Um milhão e oitocentos mil reais ) que a prefeitura de Ilhéus tem com a empresa de telefonia OI.

Programas Sociais como Bolsa Família, vêm encontrando dificuldade para transmitir os dados mensais devido à falta de internet.

O corte da internet também afetou as publicações do diário oficial do município, que estão suspensas.

Faltando poucos dias para findar o governo Jabista, e mais uma herança maldita para a nova gestão municipal, que será comandada pelo prefeito eleito Mário Alexandre.

Jabes anuncia  Réveillon Popular

O prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro, anunciou nesta quinta-feira, dia 22, que a cidade vai realizar o Réveillon Popular, como tem acontecido nos últimos anos. A festa da virada será financiada majoritariamente com recursos do governo do Estado, por meio da Bahiatursa. O gestor confirmou a informação durante entrevista ao radialista Vila Nova, na rádio Conquista FM.

De acordo com Ribeiro, a administração se concentra neste momento em honrar com o pagamento da segunda parte do décimo terceiro salário do funcionalismo, assim como dos vencimentos referentes a dezembro. “Por isso, buscamos a parceria do governo do estado, já que não temos como gastar dinheiro nosso, e o governador Rui Costa nos garantiu que vai fazer uma festa, nada muito grandioso, mas que não passará em branco”.

O prefeito destacou que Ilhéus é o terceiro pólo turístico da Bahia e não poderia ficar sem uma festa de fim de ano, deixando turistas e nativos sem um evento gratuito para poder se divertir. No entanto, afirmou que a grade de programação ainda não foi definida.

Os mesmos temperos na dose certa: Ilhéus, Sabor Ilhéus!

Por Aldircemiro Duarte (Mirinho)

A comida preparada com os mesmos temperos por mãos diferentes tem sabores diferentes, pois, cada mão tem uma dosagem do tempero no preparo da comida, para mais, para menos, ou na medida certa, é o que faz a diferença no sabor e cairá ou não na preferencia de quem a saboreia.

É fato notório e já publicizado que alguns dos nomes indicados para assumir o secretariado do governo Mário Alexandre/Nazal atuaram em governos pretéritos mal sucedidos, por isso, tais nomes não foram bem recepcionados por parcela da sociedade que com razão, descrente e diante de tanto dezêlo e desmando com a “res” pública, quer ver a coisa funcionar de imediato num tilintar de dedos, num piscar de olhos.

Todos nós ansiamos que a nossa Ilhéus mendiga, maltratada e maltrapilha de hoje, seja ressuscitada, rejuvenescida e reconduzida como dantes, ao seu trono de Princesinha do Sul. :: LEIA MAIS »

Mário Alexandre anuncia sua equipe de governo

Marão anunciou equipe. Foto de Clodoaldo Ribeiro.

Marão anunciou equipe. Foto de Clodoaldo Ribeiro.

O prefeito eleito de Ilhéus, Mário Alexandre (PSD), anunciou os escolhidos para o primeiro escalão de seu governo, que se inicia em janeiro de 2017 e se estenderá até o final de 2020. A divulgação oficial aconteceu durante o evento “Gratidão Gospel Music”, realizado na Av. Soares Lopes, na noite deste sábado (17).

Segundo Mario Mário Alexandre, o principal critério para a definição da equipe foi a competência técnica, mas também foram considerados o alinhamento político, a experiência e a sensibilidade de cada um frente às causas sociais e no compromisso de cada um em trabalhar para mudar a realidade do município.

“Temos 15 secretarias, mas devido a situação econômica do município, optamos nomear apenas 08 secretários, alguns vão ficar responsáveis por duas pastas durante os primeiros 100 dias de governo, recebendo o mesmo salário, vamos trabalhar dobrado. Eu disse a toda equipe, o povo acreditou e não vamos fazer da prefeitura um bico, quero compromisso de todos, vamos dar o melhor de nós para iniciar a reconstrução da nossa cidade. O nosso governo será de economia, transparência e eficiência, além de muito diálogo com todos os segmentos da sociedade”, afirmou o prefeito eleito Mário Alexandre.

Confira os nomes e cargos:

Chefe de Gabinete: Reinilson Soares

Secretaria de Planejamento: José Nazal

Secretaria de Governo: Sérgio Sousa

Secretaria de Relações Institucionais: Alisson Mendonça

Procuradoria Geral: Fabiano Resende

Controladoria Geral: Alex Souza.

Secretaria da Fazenda: Elifaz Anunciação

Secretaria de Comunicação: Alcides Kruschewsky

Secretaria de Administração: Bento Lima

Secretaria de Assistência Social: Soane Galvão

Secretaria de Saúde: Luciene Moura

Secretaria de Educação: Eliane Oliveira

Secretaria de Turismo: Roberto Lobão

Secretaria do Interior: Angelito Dias Filho

Secretaria de Serviços Urbanos: Jorge Cunha

Secretaria de Infraestrutura: Hermano Fanhing

Secretaria de Indústria e Comércio: Ceo Modas

Ilhéus está há 30 dias sem sinal de televisão

img-20161216-wa0010

Desde o dia 16 de novembro, há exatamente 30 dias, os ilheenses estão sem poder assistir aos programas de televisão da Rede Record, Band, Rede Vida e SBT. Uma chuva forte, acompanhada de ventania, derrubou a torre que retransmitia os sinais das redes, deixando a cidade sem televisão.

A estrutura antena vem atrapalhando as aulas de natação do Instituto Nossa Senhora da Piedade, onde a equipamento está instalado. Segundo informações, a escola já tentou retirar parte da antena de dentro da piscina, mas foi impedida por prepostos da prefeitura.

O governo Jabista não demostra nenhum interesse em resolver o problema, e propositalmente vai deixar mais esse problema do atual governo, para o futuro governo do prefeito eleito Mário Alexandre.

Prefeito, vice-prefeito e 19 vereadores são diplomados em Ilhéus

img_2016-12-14_16-59-52-540x533

Foto acima o vice-prefeito José Nazal e o prefeito Mário Alexandre com o juiz eleitoral Guilherme Vieito. Na foto seguinte, com a deputada estadual Ângela Sousa.

O prefeito eleito de Ilhéus, Mário Alexandre (PSD), o vice, José Nazal (Rede), além dos 19 vereadores foram diplomados nesta quarta-feira (14). A cerimônia aconteceu no auditório do fórum Epaminondas Bebert de Castro, e foi comandada pelo juiz eleitoral Dr. Guilherme Vieito Júnior.

Prevista no artigo 215 do código eleitoral, a diplomação é considerada a última etapa do processo eleitoral, que tem início com as convenções partidárias, seguida pela fase de registro das candidaturas até a eleição. É o ato formal de competência da justiça eleitoral, que torna apto para posse no cargo o candidato eleito.

img_20161214_093839776-1040x585

Foram diplomados os vereadores Nino Valverde, Pastor Matos, Gil Gomes, Lukas Paiva, Fabrício Nascimento, Makrisi, Juarez Almeida, Aldemir Almeida, Jebson Moares, Thadeu Muniz, Nerival, Ivo Evangelista, Jamil Ocké, Tarcisio Paixão, Abraão, Cesar Porto, Paulo Meio Quilo, Ery Bar, Paulo Carqueija.

Na ocasião, o prefeito Mário Alexandre falou da alegria e empenho para fazer mais e melhor por Ilhéus. Agradeceu a confiança depositada pelos eleitores e disse que ao lado da deputada Ângela Sousa, uma das grandes lideranças da região junto ao governo estadual continuará a luta para trazer para cidade obras importantes para o desenvolvimento local, a exemplo da entrega do Hospital da Costa do Cacau, a implementação do projeto de saneamento básico do Jardim Pontal, e a nova ponte de ilhéus, que melhorar o tráfego de veículos em toda a região, além de outras intervenções que garantirão uma melhor qualidade de vida para os cidadãos.

Presente ao evento, a deputada Ângela Sousa salientou que é um momento de muita alegria e motivo de muito orgulho ver a diplomação de Mário Alexandre, um cidadão ilheense, filho dessa terra que colocou seu nome à disposição do povo para fazer muito mais por Ilhéus. “Tenho certeza de que ao lado do vice Nazal e secretariado, e com o apoio dos vereadores, teremos uma gestão eficiente para todos nós, que estamos ávidos por uma administração justa, transparente e que conte com a participação popular”, destacou a parlamentar.

abril 2017
D S T Q Q S S
« mar    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia