WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
prefeitura de ilheus faculdade de ilheus




:: ‘Facção criminosa’

Chefe de facção criminosa de Ilhéus é preso em Canavieiras

Marquinhos era procurado por homicídio e tráfico de drogas — Foto: Divulgação/SSP-BA.

Com mandado de prisão em aberto por homicídio e tráfico de drogas, Marcos Santos Rosa, de 24 anos, o “Marquinhos”, foi preso neste domingo (23), em Canavieiras, no sul da Bahia.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), Marquinhos era o 4 de Espadas do “Baralho do Crime” da SSP.

A prisão ocorreu quando guarnições do Pelotão Especial Tático Ostensivo (Peto) faziam rondas pelo Jardim Burundanga, em Canavieiras, e suspeitaram da conduta de um homem.

Sem barba, característica marcante de Marquinhos quando chefiava uma facção em Ilhéus, o criminoso foi abordado e flagrado com um revólver calibre 38, munições e porções de maconha.

No caminho para a Delegacia Territorial, os PMs confirmaram que se tratava do criminoso foragido da Justiça.

De acordo com a SSP, diligências são realizadas na região à procura de outros integrantes da quadrilha de Marquinhos.

Facção criminosa é desarticulada em Una; Suspeito tomba em confronto.

Na manhã desta segunda-feira (09) uma operação da Polícia Civil (Una) em conjunto com a Cipe Cacaueira e a 71ª CIPM, desarticulou uma quadrilha cujos integrantes denominavam Terceiro. Foram cumpridos três mandados de prisão, um contra Natalício Alves Rodrigues Santos, vulgo Doca.

Na diligência na Rua da Matinha, o meliante Doca deflagrou tiros contra os policiais, sendo alvejado e socorrido, mas acabou vindo a óbito. No local foi apreendido um revólver calibre 32.

A facção Terceiro vinha cometendo inúmeros crimes, levando medo à população de Una.

Polícia e MP deflagram Echelon contra o PCC em 14 Estados

Justiça autorizou 75 mandados de prisão e 59 de busca e apreensão contra acusados de integrar a facção.

A Polícia Civil e o Ministério Público de São Paulo deflagraram hoje a Operação Echelon para atingir a estrutura do Primeiro Comando da Capital (PCC) que controla as ramificações interestaduais da facção criminosa. Trata-se do setor conhecido como Resumo dos Estados, que é subordinado diretamente à cúpula da organização. Ao todo, os policiais estão cumprindo 59 mandados de busca e apreensão em 14 Estados. A Justiça decretou ainda prisão preventiva de 75 acusados, todos apontados como integrantes da facção.

Os policiais mobilizados para a operação começaram as buscas às 6 horas. A concentração dos agentes, porém, começou duas horas antes. As investigações começaram em junho de 2017, quando o líder máximo da facção, Marco Willians Herbas Camacho, o Marcola, estava isolado pela sexta vez no Regime Disciplinar Diferenciado (RDD), no presídio de Presidente Bernardes, na região oeste do Estado. É por isso que Marcola, condenado a 332 anos de prisão por diversos crimes, por enquanto, não figura entre os acusados que tiveram a prisão decretada pela Justiça neste caso.

As investigações feitas pelo Departamento de Polícia Judiciária do Interior -8 (Deinter-8), de Presidente Prudente, e pelo grupo de Atuação especial e Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do MPE, mostraram como a cúpula do grupo mantém contato com bandidos em outros Estados, atuando nos tráficos de armas e drogas. Nos últimos quatro anos, o total de integrantes do PCC espelhados fora de São Paulo cresceu 6 vezes, passando de 3 mil para pouco mais de 20 mil em 2018. A facção, que em São Paulo conta com 10,9 mil integrantes, está presente ainda em cinco países da América do Sul – Bolívia, Colômbia, Guiana, Paraguai e Peru.

A expansão do PCC pelo país levou à reação de gangues locais, que se aliaram ao Comando Vermelho, iniciando uma guerra que atinge principalmente os Estados do Norte e do Nordeste do País. Depois de São Paulo, os estados que concentram o maior número de integrantes do PCC são, de acordo com o Gaeco, Paraná (2.829), Ceará (2.582) e Minas (1.432). Foi justamente em Minas que na semana passada a facção determinou a realização de uma série de atentados contra ônibus e ataques contra postos policiais.

Informações do ESTADÃO.



outubro 2018
D S T Q Q S S
« set    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Aguarde as próximas enquetes...


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia