WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
prefeitura de ilheus faculdade de ilheus




:: ‘convênio’

Governador Rui assina convênio que garantirá diagnóstico precoce de câncer na Bahia

A deputada Ângela sousa participou, nesta terça-feira (12), no auditório da Secretaria de Infraestrutura do Estado (Seinfra), da assinatura do convênio do Governo da Bahia com o Instituto Avon, por meio da Fundação Pio XII, entidade mantenedora do Hospital do Câncer de Barretos, no Programa de Combate ao Câncer de Mama na Bahia.

Para a iniciativa serão investidos R$ 12 milhões pelo Instituto na implantação e operação do Programa de Rastreamento do Câncer de Colo de Útero e Mama no estado, que tem como objetivo aumentar o diagnóstico precoce da doença, melhorando as chances de cura das pacientes.

Serão construídas quatro unidades móveis adaptadas, vinculadas às policlínicas regionais de Jequié, Irecê, Teixeira de Freitas e Guanambi. Duas unidades já existentes receberão suporte, uma em Salvador, no Hospital da Mulher, e outra no município de Juazeiro. Além destas, seis unidades fixas serão equipadas nos mesmos municípios. O Governo do Estado, através da Secretária de Saúde (Sesab) irá arcar com os custos de pessoal, manutenção e operação das unidades.

Na ocasião, a deputada Ângela Sousa parabenizou o governador Rui Costa por todo esforço em buscar sempre alocar recursos na área da saúde oferecendo mais dignidade e qualidade de vida ao povo baiano. “Este é mais um momento importante para a saúde pública da Bahia, que por meio desta iniciativa será feito o rastreamento do câncer na Bahia, permitindo ser detectado no estágio inicial elevando assim as chances de cura”, destacou.

Onde foram parar os 10 milhões das encostas de Ilhéus?

Editorial do Blog Agravo

Os 10 milhões sumiram e o povo continua sofrendo nas encostas. Foto arquivo Alto do Amparo.

Na manhã do dia 28 de Janeiro de 2013, a Polícia Federal adentrou a Prefeitura de Ilhéus para cumprir mandado de busca e apreensão de documentos relativos ao convênio 352/2010, firmado pela gestão do ex- prefeito Newton Lima com o Ministério da Integração Nacional.

O convênio de 10 milhões de reais, teve como objeto a execução de obras de reurbanização, contenção de encostas, recomposição de pavimentação e drenagem de canais e córregos em vários morros do município de Ilhéus.

Mas as obras foram bem aquém do projeto original, com forte suspeita que grande parte do valor foi desviada. O referido convênio, que ficou em vigor de julho de 2010 a setembro de 2011, tinha como padrinho e entusiasta, o ex-ministro, deputado federal e candidato a governador da Bahia, Geddel Vieira Lima.

Depois da queda recente do todo poderoso Geddel Vieira Lima, os bastidores daquela época começou a ressurgir agora, e com ela, informações de pessoas que estiveram na ex-gestão municipal. Umas dessas informações dão conta que dos 10 milhões, apenas sete milhões teriam chegado de fato em Ilhéus. Onde foram os três milhões ? Teriam ficado em Salvador, afirma uma dessas pessoas.

Outra investigação por meio de uma ação civil, agora no MPF de Ilhéus, apura os desvios e a não aplicação dos recursos no morro da Gamboa e adjacências. A esperança ainda não morreu, para saber onde foi parar grande parte desses dez milhões. Quem sabe parte desses recursos desviados de Ilhéus, não esteja em algum “Bunker” na capital.

Enquanto isso, os moradores das encostas, que não são poucos, se desesperam a cada forte chuva que cai sobre Ilhéus. É triste e revoltante saber que o dinheiro veio, mas caiu no duto da corrupção.



outubro 2018
D S T Q Q S S
« set    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Aguarde as próximas enquetes...


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia