WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
prefeitura ilheus transporte ilegal





Guilherme vence em Conquista e PT vai ao quinto mandato seguido

O prefeito Guilherme Menezes, candidato da Frente Conquista Popular, foi reeleito para o seu quarto mandato e o quinto do Partido dos Trabalhadores à Prefeitura de Vitória da Conquista ao lado do pastor Joás Meira.

Com 56,28%, somando 91072 dos votos válidos, ele venceu o radialista Herzem Gusmão (PMDB) nas eleições deste domingo (28). O peemedebista conquistou 43,72%, totalizando 70760 votos. Os votos brancos somaram 1,25% e os nulos, 3,09%. A abstenção ficou em 21,42%.

Esta foi a primeira vez que a disputa para prefeito da cidade foi prorrogada para o segundo turno, já que Vitória da Conquista passou da marca de 200 mil eleitores, o mínimo delimitado pela Justiça Eleitoral para haver eleição em duas etapas.

No primeiro turno, Guilherme ficou com 49,12% dos votos válidos. Herzem foi o preferido por 40,24% da população em 7 de outubro.No segundo turno, o petista conquistou o apoio de dois dos três candidatos derrotados na etapa inicial da disputa: Abel Rebouças (PDT) e Edigar Mão Branca (PV). Com a aliança firmada, o prefeito consolidou uma coligação de 13 partidos, que elegeu 13 dos 21 vereadores da cidade. (do Blog do Anderson)

Eu respeito o caminho escolhido’, diz governador da BA Jaques Wagner

 O governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), comentou a eleição de ACM Neto (DEM) na noite deste domingo (28), em Salvador.

“Em primeiro, lugar eu quero parabenizar o candidato vencedor, portanto o próximo prefeito. Parabenizar também o meu candidato Nelson Pelegrino, pelo desempenho”, disse Wagner.

Jaques Wagner considerou vitoriosa a campanha do PT no estado. “A nossa base aliada ganhou em 82% das prefeituras da Bahia. Acabamos de ganhar em São Paulo, que era na verdade, uma espécie de joia da coroa. Então, eu acho que qualquer análise precipitada de que isso é uma derrota do PT”, comentou.

“Eu acho que o povo olhou para as questões municipais e interpretou a condição da cidade de Salvador e escolheu um caminho. Eu respeito o caminho escolhido. Evidentemente, que não era o caminho que eu desejava, mas respeito e vou continuar trabalhando. Tem muita obra preparada para Salvador, elas vão se manter, a 29 de Março, o metrô, a Fonte Nova, tudo aquilo que a gente vinha fazendo, a Via Expressa. Vou continuar trabalhando para melhorar a condição da vida de Salvador”, garantiu o governador. (G1 – Bahia)

Comemoração adiada

O Deputado Josias Gomes estava nesse domingo em sua mesa, no restaurante Baby Beef na capital baiana. Lá acompanhado de alguns amigos, anunciava a vitória de Pelegrino com margem de 3% e soltou a seguinte pérola: Quarta- Feira vou fechar o Baby Beef em comemoração com amigos.. quem não for convidado e aparecer, não tem problema… eu pago tudo…

Em tempo: O dep. Josias é costumaz frequentador do Baby Beef, um dos mais requintados restaurantes da elite soteropolitana. Tempo de vacas gordas.

ACM Neto (DEM) dedica vitória ao avô Antônio Carlos Magalhães

Prefeito eleito de Salvador com 53,91% dos votos válidos, ACM Neto (DEM) foi recebido na noite deste domingo no comitê de campanha por milhares de pessoas. Neto venceu a disputa no segundo turno contra o petista Nelson Pelegrino, que recebeu 46,49% dos votos. Aos gritos de “ACM voltou”, ele dedicou a vitória ao avô Antônio Carlos Magalhães.

– Eu jamais poderia esquecer de alguém que não está aqui , mas que eu sei que hoje ele está tão feliz quanto cada um de nós. Eu aprendi com ele a amar a Bahia, a ter amor pelo nosso povo e a fazer politica. É claro que neste momento, eu tenho que dedicar a vitória ao senador Antônio Carlos Magalhães.

O prefeito eleito cumprimentou seu adversário na disputa, o petista Nelson Pelegrino, e disse esperar que ele possa continuar ajudando Salvador e a Bahia.

– A disputa acaba hoje. Vamos ter uma tarefa muito árdua, a cidade tem muitos desafios. Não vamos resolver todos os problemas, mas vamos trabalhar dia e noite sem descanso.

ACM Neto disse ter conversado com o vice-presidente da República, Michel Temer, e pedido para que ele seja o interlocutor dos interesses da cidade junto ao governo federal. Ele afirmou também que irá conversar com o governador Jaques Wagner (PT) para manter uma relação harmônica.

– Procurarei manter uma relação extremamente harmônica com o governo estadual e o governo federal . Vou procurar o governador para dizer que o prefeito eleito sai do palanque neste momento. Vou querer construir uma relação de trabalho e de parceira permanente. Fizemos contato com o vice-presidente, Michel Temer, para ele ser o embaixador, o porta-voz e o advogado dos interesses de Salvador junto ao governo federal – afirmou, completando:

– Agora, é hora de todos darem as mãos por Salvador. Certamente é o dia mais feliz da minha vida. Comecei a fazer politica muito novo e sempre alimentei o sonho de ser prefeito da minha cidade. Essa confiança será retribuída com quatro anos de muito trabalho. ( O Globo)

Paulo Souto: Salvador ganhou o prefeito mais preparado

O ex-governador Paulo Souto comemora a eleição de ACM Neto à prefeitura de Salvador.  “Tínhamos o melhor candidato em todos os sentidos. ACM Neto era o mais preparado, mais moderno e com ideias mais avançadas. Além disso, mostrou ser um político atento aos problemas sociais da cidade”.

Responsável pela coordenação do plano de governo do novo prefeito de Salvador, Souto observa que os adversários, “falsos democratas”, erraram ao fazer toda uma campanha de ameaça à população, como se votar neles fosse a única solução para a cidade. “Ninguém pode tudo”, conclui.

Somados os dois turnos, o PSB foi partido que mais conquistou prefeituras de capitais do Nordeste

O PSB foi o partido que mais elegeu prefeitos para as capitais nordestinas, somadas as vitórias nos dois turnos das eleições . A legenda venceu em Aracaju, com João Alves Filho (primeiro turno); no Recife, com Geraldo Julio (primeiro turno); e em Fortaleza, com Roberto Claudio (segundo turno).

O PSDB vem em seguida com duas prefeituras: Teresina, com Firmino Filho (segundo turno), e Maceió, com Rui Palmeira (primeiro turno).

O PT venceu em João Pessoa, com Luciano Cartaxo (segundo turno); o PDT, em Natal, com Carlos Eduardo (segundo turno); o PTC ganhou em São Luís, com Edivaldo Holanda (segundo turno); e o DEM, com ACM Neto, conquistou a prefeitura de Salvador (segundo turno).

Abstenção no segundo turno chega a 19% e preocupa TSE

Seis milhões dos 31,7 milhões de eleitores aptos a votar no segundo turno das eleições municipais faltaram hoje (28) às urnas. Com quase 100% das urnas apuradas, o número indica que a abstenção no segundo turno ultrapassou 19%, 3 pontos percentuais a mais que o índice do primeiro turno, de cerca de 16%.

O aumento preocupa o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e será avaliado pela Justiça Eleitoral, disse a presidenta do tribunal, ministra Cármen Lúcia. “Agora cabe aos órgãos tanto da Justiça Eleitoral quanto aos  especialistas e cientistas políticos fazermos essa avaliação, porque qualquer aumento é preocupante. Toda abstenção não é boa”, ressaltou a ministra na entrevista coletiva em que fez um balanço da votação no segundo turno.

:: LEIA MAIS »

ACM é eleito prefeito de Salvador

Antonio Carlos Magalhães Neto ( DEM) é o novo prefeito eleito de Salvador. Segundo apuração do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), totalizando 99% das urnas na capital baiana, o candidato do Democratas obteve 53,66% dos votos válidos, 710.767 em números absolutos, contra 46,34% (613.689) de Nelson Pelegrino (PT), neste segundo turno.

Segundo analistas políticos, a vitória do DEM na capital baiana coloca fogo na disputa pelo governo da Bahia, enfraquecendo o PT na sucessão de Wagner.

Eleitor decide se entrega Salvador a Pelegrino ou a ACM Neto

ACM Neto e Pelegrino ( Foto G1)

Pela segunda vez em menos de um mês,  1.881.544  eleitores que votam em Salvador são convocados às urnas, neste domingo, 28, para escolher, entre os candidatos ACM Neto (DEM) e Nelson Pelegrino (PT), quem comandará a capital entre os anos de 2013-2016. Apesar da vitória de Neto sobre Pelegrino no primeiro turno da eleição, a diferença de votos entre os dois foi pequena: apenas de 5.626 votos. No dia 7 de outubro, os votos brancos foram 72.972  e os nulos, 141.443. É justamente essa faixa de mais de 210 mil eleitores que os candidatos tentaram convencer ao longo dos 21 dias de campanha eleitoral neste segundo turno. A perspectiva de governar a capital baiana é determinante para as eleições de 2014 em ambos os casos. Se conseguir pela primeira vez o comando de Salvador, o PT vê crescerem suas chances de manter-se no governo do Estado, com apoio do prefeito do maior colégio eleitoral da Bahia. Leia mais no A Tarde.

Bebê morre em incubadora de maternidade em Ilhéus

 Uma comissão formada por funcionários da maternidade Santa Helena, em Ilhéus, vai investigar as causas da morte de um bebê de 12 dias, ocorrida na quarta-feira (24). Os pais dizem que a filha deles morreu porque foi exposta à temperatura muito alta em um procedimento de fototerapia, conhecido como “banho de luz”.

O laudo que vai apontar se houve falha humana ou técnica fica pronto em 30 dias. A médica que atendeu o bebê e o técnico de enfermagem que acompanhou a menina no procedimento continuam trabalhando normalmente.

O provedor da Santa Casa de Misericórdia de Ilhéus, Eusínio Lavigne, que também administra a maternidade Santa Helena, informou que a incubadora onde o bebê morreu não está sendo utilizada. O equipamento foi retirado de operação para passar por avaliação técnica.

A criança nasceu com icterícia, problema comum em recém-nascidos, que deixa a pele e os olhos amarelados. Os pais dizem que o bebê foi exposto a uma temperatura muito alta e acabou morrendo. Na noite de quarta-feira, a mãe da criança percebeu que havia algo errado e chamou enfermeiros do hospital. “Estava quente demais lá. Eu senti ela durinha já. A gente espera um filho e por causa de uma irresponsabilidade deles a criança está morta”, disse Cleidiane Ribeiro.

Na certidão de óbito, consta que o bebê morreu de distúrbio metabólico, hipertermia, que é temperatura elevada, e fototerapia dupla. A família de Tainá disse que já procurou um advogado para mover uma ação contra a maternidade. “Não vamos colocar na Justiça por interesse pelo dinheiro porque isso não vai pagar a vida de uma criança. Espero que isso não aconteça nunca mais, com ninguém”, afirmou o pai de Tainá, Marcone Souza.

Leia a Matéria completa clicando aqui.

DEM quer reforço do policiamento nas seções onde Neto foi melhor

O líder da oposição na Assembleia Legislativa, deputado Paulo Azi, pediu hoje (27) ao Ministério Público Eleitoral (MPE) que reforce a fiscalização nas seções onde o candidato da coligação “É hora de defender Salvador” (DEM, PSDB, PPS, PV e PTN), ACM Neto, ganhou com folga no primeiro turno. Ele recebeu a informação de que o PT vai tentar tumultuar a votação nessas seções e pediu ao MPE que garanta a presença da polícia para que a disputa fique apenas no campo político.

“Eles estão desesperados porque sabem que o povo de Salvador quer ACM Neto prefeito e vai demonstrar isso nas urnas. Vão tentar fazer de tudo para tumultuar o processo eleitoral. É preciso que a Polícia Federal, o Ministério Público e a Justiça Eleitoral fiquem muito atentos”, disse Azi.

No total, mais de quatro mil fiscais da coligação de ACM Neto vão monitorar as eleições neste domingo, sob a coordenação do vereador eleito Cláudio Tinoco (DEM). “Vamos denunciar os abusos cometidos pelo PT, que foram muitos no primeiro turno”.

Nenhum laço foi cortado

Walmir Rosário

Nestes últimos cinco anos o município de Ilhéus vem passando por um período de pobreza extrema. Não sei se é justo comparar, mas lembra muito a crise desencadeada pela introdução da vassoura-de-bruxa na região cacaueira da Bahia. Só que desta vez a miséria não reinou absoluta como antes, maltratando perversamente todos os segmentos da economia regional, mas atingindo diretamente o setor público, responsável pelo desenvolvimento social da comunidade.

E Ilhéus reunia todas as condições econômicas e políticas para se transformar na “bola da vez” do Sul da Bahia, voltando a desfrutar do título de “Princesinha do Sul”, da época dos coronéis do cacau, quando esbanjava riqueza, histórias e estórias. Pasmem os senhores, reunidas todas as condições favoráveis, a exemplo de ser destacada nas revistas econômicas como uma dos 100 melhores municípios para receber investimentos e, ainda por cima, sediar megaempreendimentos como o Complexo Intermodal do Porto Sul e suas variantes, Zona de Processamento e Exportação (ZPE), dentre outros projetos.

Como já disse acima, com as variáveis e pontos fortes favoráveis nas áreas econômicas e políticas, as autoridades de Ilhéus não conseguiram “cortar nenhum laço de fita” para inaugurar uma só obra, por mais ínfima que fosse. E não foi por falta de amizade, afinal, o prefeito Newton Lima sempre foi ressaltado pelo governador Jaques Wagner como um correligionário de primeira hora, daqueles que “comeram poeira na estrada”, um companheiro comprometido com as causas de Ilhéus, a cidade mais bonita da Bahia, como se referia costumeiramente o governador Wagner.

:: LEIA MAIS »

Especialistas advertem para o número excessivo de presos provisórios no país

O número excessivo de presos em situação provisória, ou seja, sem que estejam definitivamente condenados pelo trânsito em julgado do processo, comprova que prevalece no país uma “lógica do encarceramento”, segundo a opinião de especialistas reunidos no seminário Prisão Provisória e Seletividade, que está sendo realizado hoje (26) na sede do Conselho da Justiça Federal, em Brasília.

De acordo com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), organizador do evento junto com o Ministério da Justiça e a Rede Justiça Criminal, quatro de cada dez presos são mantidos encarcerados no Brasil sem julgamento definitivo, equivalentes a 40% da população carcerária brasileira, que é aproximadamente 500 mil detentos.

:: LEIA MAIS »

Em propaganda do PT, ACM Neto responsabiliza Otto e César Borges por invasão da Ufba

Do site Política Livre

Responsáveis pela invasão da UFBA apoiam Pelegrino (PT)

A Justiça Eleitoral determinou que o candidato a prefeito de Salvador Nelson Pelegrino (PT), no último dia da propaganda eleitoral na TV, cedesse tempo ao adversário ACM Neto (DEM) para veiculação de um direito de resposta sobre o episódio da invasão da Universidade Federal da Bahia (Ufba) em 2001. “ACM Neto não tem responsabilidade sobre a invasão da Ufba.

Na época, o governador era César Borges e o vice Otto Alencar, que hoje fazem parte do grupo aliado a Pelegrino. Quem comandou a invasão foi o major Castro, que hoje é o comandante geral da PM”, trouxe o direito de resposta desta sexta-feira (26). Retomada a propaganda eleitoral do candidato petista, o governador Jaques Wagner, durante o comício realizado na última semana com a presença da presidente Dilma Rousseff, afirmou que “quem não fez fazer quando pode, não fará quando puder”, referindo-se ao grupo político do adversário ACM Neto, que governou a Bahia por 16 anos.

Na propaganda, diz-se ainda que enquanto “o lado de lá está preocupado em ficar bem na TV, o lado de cá está preocupado em melhorar a vida da nossa gente”. Ao final, foi apresentado uma parte do “time do povão”: o vice-governador Otto Alencar (PSD), o deputado federal Márcio Marinho (PRB), o empresário Mário Kertész (ex-PMDB), a senadora Lídice da Mata (PSB), o senador Walter Pinheiro (PT), o cantor e compositor Gilberto Gil, entre outros. (Amanda Barboza)

abril 2017
D S T Q Q S S
« mar    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia