WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
transporte ilegal iptu ilheues

:: ‘Cultura’

Vídeo: Rui curte pipoca de Luiz Caldas e recebe carinho de foliões

Na noite desta quinta-feira (23), o governador Rui Costa desceu do camarote da SSP em Ondina após acompanhar o desfile de Ivete Sangalo e acompanhou na pipoca por algum tempo a passagem do trio de Luiz Caldas pelo circuito Dodô.

Na passagem pelo trio, ao lado da primeira dama do Estado, Aline Peixoto, Rui foi reverenciado pelo pai da Axé Music e recebeu o carinho dos foliões que acompanhavam.

A cantora Ivete Sangalo foi a primeira atração sem cordas do circuito Barra-Ondina. A musa do axé arrastou uma multidão e fez a alegria do folião pipoca.

No campo grande, Leo Santana desfilou mais cedo, por volta das 19h e também foi prestigiado pelo governador, que ressaltou a importância de tornar o carnaval mais democrático. “Dá para perceber que quando não tem corda, você integra quem está na calçada com o público que está no asfalto e todos podem brincar com tranquilidade e alegria”, afirmou o governador.

Vídeo:

Governo apresenta parque para desenvolvimento do cacau e chocolate no sul da Bahia

 A apresentação do Parque Científico e Tecnológico do Sul da Bahia, que vai funcionar dentro da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), na rodovia Ilhéus-Itabuna, marcou as comemorações dos 60 anos da implantação da Comissão Executiva da Lavoura Cacaueira (Ceplac), nesta segunda-feira (20). O evento foi realizado na sede regional da instituição, com as presenças dos secretários estaduais de Agricultura, Vitor Bonfim; Ciência, Tecnologia e Inovação, José Vivaldo Mendonça; do Meio Ambiente, Geraldo Reis; e de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues.

Articulado pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) e Uesc, o parque terá como foco a criação e inovação da cadeia produtiva do cacau e chocolate no sul da Bahia. Foram três anos de estudos para o desenvolvimento do projeto da unidade, que irá auxiliar ainda na qualificação dos ensinos técnico e superior da região.

O parque, que tem previsão de receber R$ 6,5 milhões em investimentos até 2019, também possui como metas o desenvolvimento de sistemas de gestão ambiental, produtividade e competitividade do cacau e do chocolate, fomento à produção agroindustrial, agroecologia e agricultura familiar, manejo e conservação dos recursos florestais.

Desenvolvimento regional :: LEIA MAIS »

História, cultura e praias intensificam fluxo turístico em Ilhéus

Foto área da Avenida Soares Lopes – Foto de José Nazal.

A mistura entre a realidade e a ficção que transborda das páginas da obra de Jorge Amado para o quarteirão cuja arquitetura caracteriza os tempos prósperos e coronelistas do cultivo do cacau, resume um dos mais importantes atrativos de Ilhéus, no sul da Bahia. O município registra intenso fluxo turístico, de 480 mil pessoas, durante a temporada de verão, de acordo com dados fornecidos pela Secretaria Municipal do Turismo.

Visitar Ilhéus é como fazer uma viagem no tempo. De Maria Machadão e o cabaré Bataclan, à Gabriela, morena da cor de cravo e canela, os lugares retratados pelo escritor baiano ficam em um centro conhecido como Quarteirão Jorge Amado, nos anos 20, época retratada pelo autor.

Os leitores e turistas que curtem essa viagem cultural também se deliciam com a gastronomia, o chocolate e as belas praias nos 80 m de litoral que banham Ilhéus,  como as do Norte (no caminho para Itacaré), ou pelos resorts em direção à vizinha Una, ao longo da estrada que passa perto do mar. O animado roteiro mantém elevado o movimento do aeroporto. São oito voos diários para atender aos baianos e visitantes.

Em dezembro de 2016, 501 pousos e decolagens foram registrados. O embarque e o desembarque superaram os 61 mil passageiros, de acordo com dados da Infraero. Ao longo de todo o ano passado, Ilhéus totalizou 576 mil embarques e desembarques.

 Voos extras

Entre dezembro de 2016 e fevereiro de 2017, a previsão da Infraero é que o município receba 203 voos extras das empresas Azul e Gol, o que confirma a previsão da Secretaria do Turismo da Bahia (Setur)  para o verão. “A demanda crescente nos aeroportos do estado é fruto de um trabalho articulado que inclui a captação de novos voos, promoção do destino Bahia e aperfeiçoamento dos serviços prestados nas zonas turísticas”, afirma o secretário do Turismo do Estado, José Alves.

Cruzeiros

Porto de Ilhéus / Foto de Mary Melgaço.

Com ocupação hoteleira que alcança a média de 80% nesta época do ano, segundo a Prefeitura Municipal de Ilhéus, a cidade também atrai visitantes pelo mar. Nesta temporada de cruzeiros, 17 navios devem aportar em Ilhéus, vindos de Salvador e do Rio de Janeiro. Entre novembro de 2016 e o próximo mês de março, o fluxo turístico gerado na cidade será de 60 mil visitantes, apenas por via marítima.

Janeiro e fevereiro são os meses com maior número de atracações previstas para o porto da cidade baiana. Ao todo, no primeiro bimestre, serão 10 navios com 36,7 mil passageiros a bordo, o equivalente a 60% dos visitantes esperados em Ilhéus durante toda a temporada de cruzeiros marítimos.

De acordo com informações da Companhia das Docas do Estado (Codeba), depois de passar pelo sul da Bahia, as embarcações devem seguir para Búzios, Ilha Grande e Ilhabela, no Rio de Janeiro, além de Vitória, no Espírito Santo.

*Texto da Secom/Bahia.

Ilhéus vai ter Carnaval !

O Prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, acompanhado do secretário municipal de Turismo, Roberto Lobão, estiveram na manhã de ontem, 17, em Salvador, em uma reunião com o diretor superintendente da Bahiatursa, Diogo Medrado. O encontro definiu o apoio do Governo da Estado para a realização do Carnaval de Ilhéus.

A Secretaria Municipal de Turismo (Setur) pretende confirmar o período do Carnaval a partir de entendimentos com setores da sociedade ilheense, havendo a possibilidade de se antecipar o evento. As negociações com a Bahiatursa preveem a contratação de atrações artísticas que serão divulgadas até o final deste mês.

O evento faz parte do tradicional calendário turístico, que tem o Carnaval como ponto alto das festas populares da cidade.

Lavagem da escadaria da Catedral de Ilhéus será nesta quarta-feira

A tradicional lavagem da escadaria da Catedral de São Sebastião, de Ilhéus, será realizada nesta quarta-feira, dia 18, a partir das 10 horas. O ato é precedido de um cortejo popular, cuja concentração acontece na Avenida Dois de Julho e percorrer várias ruas do centro histórico da cidade. A organização do evento une o Sindicato dos Estivadores e a Secretaria de Turismo (Setur) do Município.

O cortejo da lavagem da escadaria da Catedral é uma tradição da categoria dos estivadores, marcado por muita alegria e música, e conta com a participação de blocos afro, carroças, baianas, grupos de capoeira e muitos populares que se agregam à manifestação. Este ano, a festa deverá atrair centenas de turistas que desembarcarão do navio MSC Prezioza, que atracará no porto de Ilhéus

Além dos estivadores e seus familiares, as baianas são uma marca da festa da Lavagem da Catedral. Este ano, estão previstas as presenças de núcleos dos terreiros Ilê Axé Ballomi, de Pai Toinho; Sultão das Matas, de Mãe Carmosina; terreiro de Mãe Luzia, do Banco da Vitória; de Pai Val, do Teotônio Vilela; de Mãe Conceição, da Avenida Esperança; e terreiro de Mãe Jeci, do Alto do Coqueiro.

O secretário municipal de Turismo, Roberto Lobão, informou que a antecipação da festa para esta quarta-feira, excepcionalmente, ocorreu por decisão coletiva dos organizadores do evento e da comunidade que participa, direta e indiretamente, da celebração. A escolha da data foi estratégica, a fim de coincidir com a chegada dos visitantes do navio MSC Prezioza. Para o secretário, o evento por contribuir para promover maior movimento no comércio local.

Prefeitura de Una anuncia programação da Festa de São Sebastião em Comandatuba

No primeiro mês de gestão, a Prefeitura Municipal de Una, através da Secretaria do Turismo, deu início ao resgate das festas populares. O trabalho começou na semana passada quando o governo de Tiago de Dejair participou e apoiou a tradicional Puxada do Mastro em Comandatuba. E a programação dos festejos a São Sebastião, padroeiro do distrito, terá continuidade com uma vasta programação até o dia 21 de janeiro.

O resgate das festas populares representa a primeira concretização de uma proposta feita por Tiago durante a campanha eleitoral, quando o ainda candidato enfatizava a importância dos eventos para a cultura, para o turismo e para a economia do município.

Realizada pela prefeitura, a festa de São Sebastião teve a sua programação elaborada através do diálogo com a comunidade de Comandatuba. As festividades começarão no dia 18 (quarta-feira) e se estenderão até o dia 21 (sábado), com atrações artísticas e culturais, além da feira gastronômica e de artesanato em parceria com a Associação Una Criativa.

Confira a programação:

Dia 18 – Artur Giovani

Dia 19 – Kalin Sá

Dia 20 – Alvininho da Bahia

Dia 21 – Tsunami, Tony Canabrava, PagoFunk, O Arrasto

Festa da Puxada do Mastro de Olivença começa nesta sexta-feira, em Ilhéus

Além dos tradicionais festejos indígenas e religiosos, a parte profana do evento contará com a participação das bandas Som do Skulacho, A Rapazziada e Pagofunk.

A festa da Puxada do Mastro de São Sebastião, que é realizada historicamente em Olivença, estância turística do município de Ilhéus, terá início nesta sexta-feira, 6 de janeiro, com shows de bandas musicais Paulinho Xôxô e Baru Imperador, a partir das 20h30min, na praça Cláudio Magalhães. O evento é organizado pela própria comunidade, com o apoio da Secretaria de Turismo (Setur).

A programação religiosa inclui a celebração de missa, às 19 horas, na Paróquia Nossa Senhora da Escada, um dos mais importantes monumentos arquitetônicos de Ilhéus. De acordo com informações da Setur, no sábado, a partir das 20 horas, também na praça Cláudio Magalhães, haverá shows musicais com as bandas Som do Skulacho, A Rapazziada e Pagofunk.

No domingo, dia 7, a Puxada do Mastro conta com alvorada por volta das 5 horas. A programação incluiu atos religiosos (bênçãos) e indígenas (poracy). Às 7 horas, os machadeiros participam de uma feijoada e, na sequência, seguem para a mata de Ipanema com o objetivo de trazer o mastro. A previsão é que o cortejo popular chegue a Olivença por volta das 17 horas. A programação musical, no domingo, terá início a partir das 16h30min, com as bandas Proibida, Bombadão e Tony Canabrava. :: LEIA MAIS »

Evento pelas ruas de Ilhéus comemora o Dia do Palhaço

palhasseata-ja-e-tradicao-em-ilheus-foto-divulgacao-2

As ruas do centro de Ilhéus vão ganhar um ingrediente diferente na próxima segunda-feira, dia 19. A partir das 13h, artistas de circo realizam 6ª Palhasseata de Ilhéus. O evento, promovido pelo grupo de Teatro/Circo Maktub.

A iniciativa já faz parte do calendário de eventos artísticos da cidade. Segundo Fábio Nascimento, organizador da Palhasseata, o cortejo deve contar com aproximadamente 50 participantes e terá com concentração em frente à sede da Secretaria Municipal de Cultura, na Rua Jorge Amado. A partir das 14h, os palhaços percorrerão as principais ruas do comércio.

Com muitas brincadeiras, intervenções artísticas e apresentação de diversos números cômicos, os palhaços levarão animação aos transeuntes e trabalhadores do Centro. O grupo também arrecadará doação de brinquedos com os participantes e colaboradores das lojas, que serão doados para crianças abrigadas em orfanatos do município.

 Curta – A programação conta ainda com o lançamento virtual do curta-metragem “E o palhaço o que é?” sobre a identidade do palhaço no Sul da Bahia, produzido pelo Grupo Teatro/Circo Maktub em parceria com alunos do curso de Comunicação Social – Rádio e TV da Universidade Estadual de Santa Cruz.

TPI comemora 10 anos de ” Teodorico Majestade” com apresentação na sexta,16

teodorico-majestade-em-recife-foto-lucas-vitorino-3

O grupo Teatro Popular de Ilhéus (TPI) comemora, na próxima sexta-feira, dia 16, os dez anos de cartaz da peça  “Teodorico Majestade – As Últimas Horas de Um Prefeito”, escrita pelo dramaturgo e diretor, Romualdo Lisboa, em 2006.

A comemoração acontecerá com uma apresentação de Teodorico Majestade na Tenda Teatro Popular de Ilhéus, às 19h de sexta. O espaço cultural fica localizado na Avenida Soares Lopes, em Ilhéus, próximo ao Colégio São Jorge. Para esta apresentação da peça, o ingresso será “Pague Quanto Quiser”, ou seja, ficará a critério do espectador o valor a ser pago. :: LEIA MAIS »

Ialorixá ilheense recebe título de Doutora Honoris Causa da Universidade Estadual de Santa Cruz

mae-hilsa-e-adelia-pinheiro-foto-secom-ilheus

Durante cerimônia realizada no auditório central da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), na noite da última segunda–feira, 28, a reitora Adélia Pinheiro formalizou a entrega do título de Doutora Honoris Causa à Hilsa Rodrigues Pereira dos Santos, ialorixá ilheense conhecida como Mãe Hilsa Mukalê.

O evento teve a participação de representantes do movimento Ocupa UESC, que, na oportunidade, apresentaram um manifesto a respeito de suas ações e elogiaram a iniciativa da UESC ao conferir o título a uma mulher, negra, líder cultural e agente de resistência. Também integraram a mesa o professor doutor Estélio Bomberg, autor do processo de concessão do título a Hilsa Rodrigues, e os representantes da secretaria de Turismo do Estado, Rildo Mota, e da secretaria de Relações Institucionais, Edinei Mendonça. :: LEIA MAIS »

Aprovada Emenda para implantação de Museu no Palácio Paranaguá

Palacio Paranagua (Secom Ilhéus) (1)

A proposta de emenda parlamentar com o objetivo de viabilizar o projeto de implantação do Museu da Capitania de Ilhéus, no Palácio Paranaguá, foi aprovada em Brasília, através de dotação orçamentária no Ministério da Cultura. De Brasília, o prefeito Jabes Ribeiro confirmou a informação. A emenda foi encaminhada através do deputado federal Irmão Lázaro.

Conforme o secretário municipal de Planejamento e Orçamento, Joaquim Bastos, o projeto foi cadastrado pelo governo municipal no início deste ano. A proposta prevê repasse no valor de R$ 290.294,00 e contrapartida do Município de R$ 22.206,00, e totaliza R$ 312.500.

A instalação do Museu da Capitania de São Jorge dos Ilhéus está direcionada ao Palácio Paranaguá, prédio onde funcionou a sede do Poder Executivo Municipal por mais de um século. Na opinião do secretário municipal de Cultura, Paulo Atto, “a implantação do Museu no Palácio Paranaguá é uma consequência do processo social e histórico de evolução do município”.

O Museu deverá reunir acervo de documentos, móveis e bens culturais que se refiram à história do município, desde o período das Capitanias Hereditárias. A verba de emenda parlamentar poderá ser usada para reforma, construção e aquisição de equipamentos para espaços culturais.

Ex-ministro diz que se demitiu porque Geddel o pressionou para liberar obra

O ministro da Cultura, Marcelo Calero - Givaldo Barbosa / Agência O Globo.

O  ex-ministro da Cultura, Marcelo Calero – Givaldo Barbosa / Agência O Globo.

De saída do governo, o ministro da Cultura, Marcelo Calero, acusa o ministro Geddel Vieira Lima ( Governo) de tê-lo pressionado a produzir um parecer técnico para favorecer seus interesses pessoais.

Em entrevista a Folha de São Paulo, Calero diz que Geddel o procurou pelo menos cinco vezes- por telefone e pessoalmente-para que o Iphan ( Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, aprovasse o projeto imobiliário La Vue Ladeira da Barra, nos arredores de uma área tombada de Salvador.

Nas palavras do agora ex-ministro, Geddel disse que pelo menos em duas dessas conversas possuir um apartamento no empreendimento que dependia de autorização federal para sair do papel.

Vaquejada 

Segundo o blog da Coluna do Estadão, outra razão que motivou a saída de Calero foi o impasse em torno do projeto, aprovado no Senado na semana passada, que dá à vaquejada status de manifestações da cultura nacional e os eleva à condição de patrimônio cultural imaterial do Brasil.

Com um relatório do Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional (Iphan) em mãos, o ministro chegou a pedir ao presidente Michel Temer que vetasse a lei. Encontrou obstáculos de ministros próximos ao presidente, que defendem ainda que Temer faça um evento grandioso para sancioná-la já que o tema teve muita repercussão com a manifestação de vaqueiros em Brasília.

Lei que eleva vaquejada a patrimônio cultural é aprovada no Senado e vai a sanção presidencial

vaquejada-400x269

Uma semana após a manifestação que tomou a Esplanada dos Ministérios, em Brasília, de pessoas a favor da vaquejada no Brasil, o Plenário do Senado Federal aprovou na tarde de hoje (01/11) o Projeto de Lei da Câmara dos Deputados (PLC) 24/2016, que eleva a vaquejada à condição de manifestação cultural nacional e de patrimônio cultural imaterial. A partir de agora, o texto segue para sanção.

O projeto, de autoria do deputado federal Capitão Augusto (PR/SP), teve como relator, na Comissão de Educação, Culta e Esporte, o senador Otto Alencar (PSD/BA). O senador emitiu parecer favorável e aproveitou a oportunidade para votar requerimento pedindo regime de urgência para sua análise no plenário do Senado, o que ocorreu na sessão deliberativa desta tarde, aprovado por votação simbólica. O projeto já havia sido aprovado pela Câmara dos Deputados.

Otto Alencar (PSD/BA), comemorou a vitória do projeto e reiterou que a vaquejada é um tema importante e que deve ser respeitado. “Fico muito feliz em saber que temos um caminho para que não se permita que acabe uma cultura tão enraizada quanto a vaquejada no Nordeste e em várias outras regiões do país. A votação foi quase unânime na Comissão e no plenário, afirmou.

A proposta não legaliza a prática, mas segundo Alencar é um primeiro passo para reverter a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que há duas semanas julgou inconstitucional lei do Ceará que regulamentava a prática como manifestação cultural e esportiva.

Na votação realizada na comissão, mais cedo, a maioria dos senadores presentes defendeu a vaquejada — nomes como Ricardo Ferraço (PSDB/ES), Ciro Nogueira (PP/PI), José Agripino (DEM/RN) e Roberto Muniz (PP/BA), que pediu a palavra para discursar sobre a evolução da prática. “Todo o Nordeste tem aperfeiçoado a vaquejada através de atividades, atitudes e leis que fazem privilegiam o bem-estar dos animais. Assim tem sido em todos os estados brasileiros e tem sido assim no dia a dia das vaquejadas”, finalizou Muniz.

A senadora Lídice da Mata (PSB/BA) destacou: “Eu não creio que possa haver uma discussão que negue essa proposta”, divulgando o seu voto a favor do projeto. Garibaldi Alves Filho (PMDB/RN) fez um longo discurso sobre a importância não só cultural, mas também econômica, da vaquejada para todo o país. O senador fez questão de citar os vaqueiros. “Eu queria chamar atenção para o cuidado que sempre houve por parte dos vaqueiros com relação àqueles que realmente dependem desses cuidados, que são os animais, o gado.”

No Salão do Chocolate de Paris, governador autoriza R$ 10 milhões para cultura do cacau

estande-da-mendoa-chocolate-baiano-800x600

Em viagem à França para buscar novos investimentos para a Bahia, o governador Rui Costa participou nesta sexta-feira (28), do Salon du Chocolat Paris (Salão de Chocolate Paris), evento que busca estabelecer a ligação entre os diferentes segmentos da cadeia produtiva do cacau e chocolate. Rui foi recebido pelo presidente do Salão, François Jeantet, e juntos percorreram as instalações do centro de exposições de Porte de Varsailles. Na ocasião, o governador autorizou a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural, por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), a destinar R$ 10 milhões do edital de fruticultura do Bahia Produtiva, especificamente, para projetos da cultura do cacau.

Durante sua passagem pelo Salão, Rui visitou os estandes dos chocolates da Bahia, Mendoá e Amma, conversou com os produtores e conheceu empresas francesas que usam amêndoas baianas para produção dos chocolates europeus. Rui disse que ficou bastante satisfeito com a grandiosidade do evento. “São muitas pessoas circulando por aqui. Aproveitei a oportunidade e convidei os chocolateiros franceses para visitar Ilhéus e ver de perto a nossa produção”.

Rui participou do evento a convite dos expositores brasileiros. Trata-se de uma oportunidade para que a Bahia, principal referência para a produção de cacau do Brasil, possa apresentar todo seu potencial para fabricação de produtos da cadeia do chocolate. Em 2012, Salvador sediou uma edição do evento que é promovido em diferentes países e continentes. :: LEIA MAIS »

fevereiro 2017
D S T Q Q S S
« jan    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia