WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Arte’

Festa Literária de Ilhéus começa nesta quarta-feira com a participação da atriz Elisa Lucinda

A abertura oficial da Festa Literária de Ilhéus acontece nesta quarta-feira, 16 de maio, às 17 horas, no Teatro Municipal, com a participação da escritora e atriz capixaba Elisa Lucinda, e apresentação musical dos grupos Dilazenze Malungo e Mulheres em Domínio Público. Mas hoje, 15, já haverá atividades ligadas ao evento, com o lançamento coletivo de 27 livros publicados pela Editus – Editora da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), às 18h30min, no auditório da Torre Administrativa, no campus universitário, com a presença dos autores.

A Festa Literária de Ilhéus segue até o dia 18, sexta-feira, com uma programação diversificada, com a abordagem do tema “Leitura democráticas: juventudes, livros e zaps”. No lançamento coletivo, na UESC, haverá um bate-papo literário especial com as professoras e escritoras Luzia de Maria (UFF) e Maria Luiza Nora (UESC). :: LEIA MAIS »

UFSB realiza “Cinema Delas”

O olhar feminino de uma cineasta muda os rumos do fazer audiovisual? Essa e outras questões estarão em pauta nos dias 11 e 12 de maio no Auditório da Reitoria no Campus da UFSB, em Itabuna, no evento “Cinema Delas”. Organizado pela Assessoria de Relações Internacionais e pela Pró-Reitoria de Sustentabilidade e Integração Social, a sua programação terá um seminário com Bernadette Wegenstein, cineasta e professora da Johns Hopkins University, e Shana Hagan, cineasta e produtora. Além disso, ainda na sexta (11), a partir das 16h30, ocorre exibição de produções audiovisuais e roda de conversa com mulheres produtoras. O professor Guilherme Foscolo, Assessor de Relações Internacionais da UFSB, destaca: “receberemos duas cineastas experientes, que terão muito a dialogar e estão ansiosas para aprender sobre as vivências das produtoras sul-baianas”.

O Cinema Delas tem o apoio da Red Latinoamericana de Investigaciones en Practicas e Medios de la Imagen, Lêtera, Núproart e Centro de Cultura Adonias Filho, e tem inscrições gratuitas. Pessoas interessadas, devem se inscrever no link: https://goo.gl/forms/xqeZy8a4vfUQfAkJ2.

Laís Marques, Diego Schaun, KBSativa MC’s e Márcia Góes e Sob Medida são atrações do Encontro de Compositores desta quinta (10)

O Encontro de Compositores do Litoral Sul chega à sua terceira mostra encantando o público com performances inéditas de músicas autorais de artistas de Ilhéus, Itabuna, Uruçuca e Camacã. O show acontece nesta quinta-feira (10), às 20h, no Teatro Municipal de Ilhéus. O ingresso é 1kg de alimento não perecível, que será doado para a Fundação Fé e Alegria – Ilhéus.

Os selecionados para se apresentar nesta mostra – Laís Marques, Diego Schaun, KBSativa MC’s e Márcia Góes e Sob Medida – representam uma diversidade musical que é a cara do Sul da Bahia. Da MPB ao rap, passando pelo rock e o folk, os artistas prometem marcar a memória do público com suas letras, melodias e arranjos.

Nesta edição do projeto já se apresentaram, desde março, oito compositores, entre solos e bandas. “Eles atraíram desde fãs até pessoas que foram assistir aos shows para saber o que estava tocando no cenário musical atual. Tanto os artistas quanto toda a nossa equipe têm tido um ótimo feedback do público”, conta a produtora do evento, Eloah Monteiro.

  :: LEIA MAIS »

Centro de Ilhéus sofre com abandono

Editorial do Blog Agravo

Essa imagem é um retrato fiel da situação do Centro de Ilhéus. Praça JJ Seabra.

Bancos e pisos quebrados e iluminação precária geram reclamações de frequentadores e comerciantes do Centro de Ilhéus. Num dos principais locais turísticos, o calçadão Jorge Amado, o cidadão que caminha à noite, tem a sensação que a qualquer momento pode ser assaltado.

Já em outras partes do calçadão Marques de Paranaguá, a situação é preocupante. Buracos, bancos quebrados, muito mato, além da falta limpeza adequada, mostram o descaso do governo do prefeito Mário Alexandre no aspecto visual da cidade.

Na semana passada, o prefeito reuniu a imprensa para apresentar um projeto grandioso com a revitalização de algumas vias e praças do Centro, em detrimento a chegada da nova ponte. Torcemos que saia do papel!

O problema é que a população não acredita, e a divulgação do ato nas redes sociais virou motivo de chacota. Se não conseguem realizar uma manutenção básica, como irão realizar obras faraônicas?

Praça Rui Barbosa está com oito iluminarias apagadas, como se pode ver na foto feita na última sexta-feira (20).

O que falar da praça JJ Seabra? Sinônimo de incompetência das gestões no quesito especificado acima. O pior, tornou-se morada de mendigos que ali fazem suas necessidades fisiológicas, usam drogas, e sofrem com o abandono do poder público. Vale lembrar que nesta mesma praça estão as Estátuas de Sapho (única na América do Sul) e Inverno, que passam despercebidas pelos turistas e nativos por falta destaque. Em 2017 fizemos uma matéria com esse mesmo assunto, mostrando que a prefeitura de Ilhéus precisa cuidar das praças, e pontos turísticos. As críticas construtivas não surtiram efeito, e o governo continua sem ação concreta em pequenas ações, a exemplo do paisagismos.

Outra praça, a Rui Barbosa, enfrenta um breu, e a maioria das luminárias estão apagadas. O clima é de total desânimo, indo na contramão do slogan da atual Gestão “ Tempo de alegria e Trabalho”.

É muito conversa, viagem e projeto e pouca ação nas áreas estruturais da cidade!

Ronara Criola, Intuito Neutro, Rao e Cabruca se apresentam no Encontro de Compositores, nesta quinta (12)

A segunda mostra do Encontro de Compositores do Litoral Sul apresenta, nesta quinta-feira (12), performances inéditas de músicas autorais de artistas de Itacaré, Itabuna e Ilhéus. O show acontece no Teatro Municipal de Ilhéus, às 20h, e o ingresso é 1kg de alimento não perecível, que será doado para a Fundação Fé e Alegria – Ilhéus.

Representando a diversidade musical do litoral sulbaiano, a compositora da categoria individual, Ronara Criola, interpreta suas canções acompanhada da banda base do Encontro, enquanto Rao embala suas composições com o seu violão, e as bandas Cabruca e Intuito Neutro trazem seus músicos e beats para o palco.

“O Encontro de Compositores foi pensado para oportunizar ao público o conhecimento da música autoral que é produzida na região. Desde 2014 realizamos Encontros de forma independente, nos quais mais de 40 artistas locais já participaram. Neste ano, com apoio do Governo do Estado, foi possível ampliá-lo para buscar atingir artistas dos municípios do território Litoral Sul”, explica o diretor musical, Cabeça Isidoro.

Ao todo, são quatro mostras que acontecem mensalmente desde março. A cada noite, quatro artistas se apresentam. “Tivemos 64 inscrições de compositores de Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Coaraci, Buerarema, Uruçuca e Camacã. Ficou claro que tem muita gente boa que precisa de espaço para mostrar suas produções, e o Encontro se consolida neste cenário”, comemora a produtora do evento, Eloah Monteiro. :: LEIA MAIS »

Uesc recebe Exposição Itinerante Castro Alves e Hansen Bahia

Foto: Secult/BA

Após um período em cartaz no Teatro Municipal de Ilhéus, no sul do estado, a ‘Exposição Itinerante Navio Negreiro Castro Alves e Hansen Bahia’, será levada, nesta sexta-feira (6), à Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), na mesma região. Idealizada pelo Centro de Memória da Bahia (CMB), unidade da Fundação Pedro Calmon (FPC), que é vinculada à Secretaria de Cultura do Estado (Secult), a mostra poderá ser visitada até o dia 16 deste mês, no Foyer do auditório Paulo Souto da instituição.

“O objetivo da exposição é para que nunca esqueçamos o quanto foi, e é perverso e desumano, o sistema colonial-escravista. Ver Hansen e ler Castro Alves é um exercício ético e estético absolutamente necessário e contemporâneo” afirma o curador da exposição, Ayrson Heráclito.

Contemplando a mostra, o artista plástico Zimaldo Baptista realiza a oficina de xilogravura nos dias 12, com turmas pela manhã e tarde, e no dia 13, com turma pela tarde. Formado em Artes Visuais, pela Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), ele foi um dos participantes da XI Bienal do Recôncavo da Bahia.

A mostra já visitou dez cidades, e, após Itabuna, mais dois municípios baianos poderão apreciar as obras de Hansen e o poema de Castro Alves. “A história precisa ser pensada e discutida nos dias de hoje. Por isso, a exposição itinerante levará para as cidades oficinas, debates e discussões sobre o que foi a escravidão”, ressalta o diretor do Centro de Memória, Rafael Fontes.

O Centro de Memória da Bahia (CMB) tem o objetivo de promover a difusão da história da Bahia, por meio da preservação e ordenação de arquivos privados e personalidades pública, além da realização de exposições, seminários e cursos de formação gratuitos. Entre suas funções, é responsável pelo Memorial dos Governadores Republicanos da Bahia (MGRB), localizado no Palácio Rio Branco, no Centro Histórico de Salvador.

Nova geração de poetas de Ilhéus recebe premiação do concurso

Júlia Thalita Oliveira Correia, estudante da turma A, do 3º ano do ensino médio, da Escola Estadual Eduardo Catalão, é a vencedora do Concurso de Poesia Castro Alves, promovido pela Secretaria Municipal da Cultura, com o apoio da Academia de Letras de Ilhéus. Em segundo lugar ficou a estudante Alice Martins Valero, do 9º ano, do Colégio Vitória, seguida, em terceiro, por Larissa Beatriz Soares de Sá Mota, do 3º ano do ensino médio, do Colégio São Jorge dos Ilhéus. O concurso ainda premiou, com “Menção Honrosa”, Anastácia Carvalho Vitorino Duarte, estudante da turma A, do 1º ano, da Escola Sesi Adonias Filho. As premiações foram entregues ontem (14) à tarde, em solenidade que aconteceu na praça Castro Alves, ao lado do busto do poeta baiano, no centro de Ilhéus.

Os premiados receberam diploma, publicações da Editus (editora da Universidade Estadual de Santa Cruz) e, a primeira colocada, em especial, um tablet ofertado pela direção do Hospital de Olhos Cenoe, apoiador da iniciativa cultural. A Fundação Pedro Calmon – instituição que coordena o sistema de Arquivos e Bibliotecas Públicas do Estado da Bahia, além de ser responsável pela execução de políticas públicas de fomento ao livro e estímulo à leitura – também doou 20 livros a cada estudante premiado.

Homenagem ao maior de todos os poetas brasileiros – O ato, bastante concorrido, foi iniciado com uma homenagem de membros da Academia de Letras de Ilhéus, que depositaram, uma coroa de flores em frente ao busto de Castro Alves, que ontem completou 171 anos de nascimento. O escritor e secretário municipal Pawlo Cidade, explica que o dia 14 de março foi criado pela Unesco, como o Dia Mundial da Poesia, com o objetivo de estimular a produção e celebrar a poesia como forma de arte em todo o mundo. No entanto, no Brasil, a partir de 2015, através de uma nova lei, o Dia Nacional da Poesia passou a ser comemorado em 31 de Outubro, data do aniversário de Carlos Drummond de Andrade.  :: LEIA MAIS »

Definidos os finalistas do Concurso de Poesia Castro Alves

Pawlo Cidade, secretário de Cultura de Ilhéus

As três poesias selecionadas do Concurso de Poesias Castro Alves serão conhecidas nesta quarta-feira (14), a partir das 16 horas, na Praça Castro Alves, em frente ao busto do poeta. O secretário da Cultura de Ilhéus, Pawlo Cidade, disse que “o júri teve muita dificuldade em escolher as melhores poesias dada à excelente qualidade dos trabalhos. Além do primeiro ao terceiro lugares, também daremos premiação de menção honrosa”.

Os vencedores poderão ainda declamar seus trabalhos após a solenidade de abertura, na sede da Academia de Letras de Ilhéus, no mesmo dia, a partir das 19 horas, situada à Rua Antonio Lavigne de Lemos, 39, centro. O Concurso de Poesia Castro Alves foi uma realização da Prefeitura de Ilhéus, através da Secretaria da Cultura, com o apoio da Academia de Letras de Ilhéus e do Hospital de Olhos Cenoe.

Pawlo Cidade lembrou que após análise dos 61 inscritos, oriundos das escolas Sesi Adonias Filho e Estadual Eduardo Catalão, IFBA (campus Ilhéus), colégios Ideal, Impacto e São Jorge dos Ilhéus, Institutos Nossa Senhora da Vitória, Nossa Senhora da Piedade e Municipal de Ensino Eusínio Lavigne e Centro Estadual de Educação Profissional Álvaro Melo Vieira foram os finalistas do concurso. :: LEIA MAIS »

Encontro de Compositores divulga selecionados para mostras no Teatro Municipal de Ilhéus

Do Rap ao Jazz, passando pela MPB nordestina, desaguando no instrumental.  ​O  Encontro de Compositores do Litoral Sul da Bahia divulgou na segunda-feira (26) no www.encontrolitoralsul.com.br a lista dos selecionados que subirão no palco do Teatro Municipal de Ilhéus para tocar suas próprias criações. Foram escolhidos oito compositores individuais e oito bandas autorais, entre os 64 inscritos de sete municípios do território. 
 
Os compositores individuais que garantiram vaga na mostra são: Raoni Veloso (Itabuna), Lunna MV (Ilhéus), Moses (Buerarema), Elisa Cunha (Itabuna), Andreshons (Ilhéus), Ronara Criola (Itacaré), Laís Marques (Uruçuca), Diego Shaun (Camacã).  Já as bandas autorais selecionadas são: Cabruca (Ilhéus), Zem Trio (Ilhéus), Intuito Neutro (Ilhéus), Jacau (Itabuna), Cabeça Ativa MCs (Itabuna), Drink de Mandrak (Itabuna), Pecados Capitais (Coaraci), Márcia Góes e Sob Medida (Ilhéus).
 

A programação com quatro apresentações por noite acontece nos dias 07 de março, 12 de abril, 10 de maio e 14 de junho, sempre às 20h, no TMI. Além dos compositores e bandas, alunos de cada turma da oficina gratuita de Composição Musical apresentarão uma música inédita por show, como resultado das aulas. O ingresso será 1kg de alimento não perecível. 

A programação na íntegra, bem como as inscrições para as oficinas estão disponíveis no site. É possível acompanhar as novidades no facebook.com/EncontroCompositoresLitoralSulou pelo aplicativo, que tem o nome do evento e pode ser baixado na Play Store.

O Encontro de Compositores do Litoral Sul da Bahia tem apoio financeiro do Governo do Estado, por meio do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda, Fundação Cultural do Estado da Bahia e Secretaria de Cultura da Bahia. Conta também com o apoio cultural da Quantum Agência de Publicidade, Criadouro Soluções Culturais, Academia de Letras de Ilhéus e Secretaria de Cultura de Ilhéus.

“Rodas de Conversa” debate projetos culturais de Ilhéus

 

Com o objetivo de ouvir questionamentos da população e de diversos segmentos envolvidos com as atividades culturais de Ilhéus, a secretaria municipal da Cultura (Secult) programou para este mês o projeto Rodas de Conversa. A proposta é colocar em pauta a discussão diária sobre ações culturais que serão apresentados pela atual gestão. Na agenda, estão programados para o dia 19, a partir das 16 horas, no auditório Sosígenes Costa, situado na Rua Jorge Amado, 21, debate sobre o Projeto Maio, Mês da Dança, e às 18 horas, sobre o Festival de Quadrilhas Juninas.

Para o dia 20, às 18 horas, os trabalhos do Rodas de Conversa serão retomados para discutir a formatação do Projeto Seis e Meia; e no dia 21, às 18 horas sobre a realização da Semana Jorge Amado. Já nos dia 22, respectivamente às 16 e 18 horas, os debates serão torno sobre o Festival de Teatro Estudantil e o Programa Devir Negro.

E no dia 23, a partir das 18 horas, o projeto Rodas de Conversa volta a se reunir para tratar sobre o calendário de capoeira; e dia 26, também, às 18 horas, outra rodada de debate sobre as festas populares de Ilhéus serão sempre com a participação pública.

De acordo com o secretário de Cultura, Pawlo Cidade, as indagações serão sobre o que são projetos estruturantes?, como eles podem se tornar programas?, ao retomar edições anteriores corremos o risco de reproduzir os erros do passado?, como podemos melhorar as atividades culturais transformando-as em ações duradouras?, o que aprendemos com projetos temáticos?  E qual o conceito que se tem de um projeto?

Encontro abre inscrições para compositores e bandas autorais do Litoral Sul da Bahia

Compositores e compositoras dos 26 municípios do Território Litoral Sul da Bahia já podem tirar da gaveta suas criações e inscrevê-las no Encontro de Compositores do Litoral Sul da Bahia. Com o objetivo de dar visibilidade às obras autorais de qualquer gênero musical, inclusive instrumental, o evento vai promover mostras no palco do Teatro Municipal de Ilhéus. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas até 19 de fevereiro, exclusivamente pelo site www.encontrolitoralsul.com.br, e de acordo com o regulamento.

A curadoria, formada por músicos de reconhecida atuação na região, selecionará oito atrações da categoria individual e oito atrações da categoria banda autoral. Serão consideradas como critérios de seleção letra, harmonia, melodia, arranjo, originalidade e conjunto da obra nas músicas inscritas.

Os selecionados serão conhecidos no dia 26 de fevereiro, no site, e se apresentarão ao longo de quatro mostras musicais que acontecerão entre março e junho.

Podem se inscrever compositores dos municípios de Almadina, Arataca, Aurelino Leal, Barro Preto, Buerarema, Camacã, Canavieiras, Coaraci, Floresta Azul, Ibicaraí, Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Itaju do Colônia, Itajuípe, Itapé, Itapitanga, Jussari, Maraú, Mascote, Pau Brasil, Santa Luzia, São José da Vitória, Ubaitaba, Una, Uruçuca.

  :: LEIA MAIS »

Exposição de Guido Lima no TMI segue até 15 de março

Exposição de Guido Lima no TMI segue até 15 de março

Surrealismo e poesia. Formas de homens, mulheres e animais pintados em óleo sobre telas fazem da obra do artista plástico Guido Lima uma singularidade. O nu e as cores vibrantes de um pintor com mais de 40 anos de trajetória na arte baiana, encantam. É esta exposição que fica em cartaz na Galeria do Teatro Municipal de Ilhéus até o dia 15 de março.

Guido Lima é natural de Salvador e iniciou sua carreira em 1969 expondo na Galeria Le Dome, em Salvador. Durante todos esses anos participou de diversas exposições e salões de arte. Expôs recentemente no Palacete das Artes em Salvador; na Animapop, em Vitória da Conquista; Centro de Cultura Adonias Filho em Itabuna. Já em Ilhéus, Guido expôs no TMI com “Caminho das Cores” e no evento Aleluia Ilhéus, além de ter participado da 1ª Bienal Latino Americana.

Lima é também cenógrafo e figurinista premiado por duas vezes nos Prêmios Martin Gonçalves e SNT. É professor de Arte, diretor e criador de vários programas para televisão, diretor de estúdios do Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (IRDEB), coordenador de Cultura da Fundação Cultural do Estado da Bahia. Estudou na Universidade Federal da Bahia (UFBA), no curso de Licenciatura em Desenho e Plástica, na Escola de Belas Artes Pintura e Desenho. No momento reside em Ilhéus.

A exposição reúne na Galeria do Teatro, obras inéditas do artista e pode ser visitada durante a semana das 9 às 22 horas, e, aos sábados, das 9 às 23 horas. No domingo, das 9 às 11 e das 17 às 20 horas

Show Autoral de Eloah Monteiro é destaque do fim de semana em Ilhéus

No próximo sábado, 13, a cantora e compositora Eloah Monteiro reapresenta o seu concerto solo em Ilhéus. O show foi aclamado pela crítica e traz músicas de composição da própria cantora, uma oportunidade única de alto nível musical e cultural para a programação deste final de semana. Intitulado “EloAhR – concerto de Eloah Monteiro”, o trabalho será reapresentado neste sábado, às 20h, na Tenda Teatro Popular de Ilhéus. Não perca!

Após o sucesso alcançado em sua primeira temporada, o espetáculo musical “EloAhR” retorna em 2018 com força total, visando dar continuidade à difusão da música da cantora e compositora de Ilhéus. “Sou muito grata à minha cidade e toda a minha equipe pelo sucesso do concerto em 2017. Quem pôde assistir ao meu show até agora, tem respondido de forma muito carinhosa e as críticas têm sido muito positivas, dão um gás a mais pra gente continuar”, afirma Eloah. A compositora declara também que pretende “avoar” em 2018, “Não é todo dia que uma mulher negra apresenta mais de dez canções próprias ao violão em sua terra Natal, não é mesmo? Eu realmente acredito que seja um trabalho diferenciado, então, a tendência é que ele avoe (risos), saia de Ilhéus. Sempre digo às pessoas que vale a pena se programar e assistir enquanto é tempo, sem sombra de dúvidas”, convida a cantora. :: LEIA MAIS »

Dão & a Caravana Black se apresentam em Itabuna, Dia 21

O cantor e compositor Dão irá apresentar seu show Nobre Balanço em três cidades da Bahia neste mês de dezembro. As apresentações fazem parte do projeto Circuito Bahia, que somam seis shows de Dão, acompanhado de sua banda Caravana Black, no estado. Na primeira fase do projeto, a circulação contemplou as cidades de Porto Seguro, Salvador e Santo Amaro. Neste mês de dezembro será apresentado em Juazeiro, Itabuna e Vitória da Conquista.

O projeto pretende mostrar ao público dessas cidades o trabalho deste artista que valoriza através de suas composições e interpretação singulares, gêneros musicais brasileiros e afro-baianos, e que também traz influências da música contemporânea mundial.

Ao mostrar sua black music contemporânea, que contagia pela mistura de ritmos brasileiros e africanos, Dão revela porque vem despertando o interesse de amantes da música no mundo todo. Hoje considerado um pesquisador do balanço, Dão é um artista literalmente comprometido com ritmos pulsantes, que se apropria de diversas referências para compor um universo musical próprio. :: LEIA MAIS »

Grupo Mulheres em Domínio Público promove rifa para gravar releituras de cantigas regionais

Cantigas entoadas por lavadeiras, marisqueiras e trabalhadores de roças sulbaianas são a primeira investida das Mulheres em Domínio Público (MDP), grupo musical de Ilhéus que realiza releituras de músicas de domínio público. A banda promove uma rifa para angariar recursos a fim de finalizar a gravação do primeiro EP, o que vai permitir ao grande público acessar as plataformas digitais e escutar as músicas apresentadas há cinco anos na região. Nesta primeira gravação, o grupo vai registrar parte do cancioneiro regional com um toque de contemporaneidade, por meio de uma roupagem musical rica em diversidade de ritmos.

As cantigas são interpretadas por Cris Passos, Geisa Pena, Ingrid Luíse e Tacila Mendes. A banda é formada por mais quatro músicos atuantes na cena musical da região e unidos por interesse em pesquisas sonoras dessa natureza – Marcelo Santana, Danilo Ornelas, Lula Soares Lopes e Igor Rodrigues.

O EP terá ainda a participação da ex-lavadeira de 83 anos e principal fonte de pesquisa deste trabalho, Valderez Teixeira, moradora do Salobrinho, mais conhecida como Dona Val. :: LEIA MAIS »

Casa da Cultura Popular de Ilhéus oferece oficina gratuita de Literatura de Cordel

A CASAR (Casa da Cultura Popular de Ilhéus) vai realizar a “Pipocando Cordel”, oficina gratuita de Literatura de cordel na próxima quinta-feira (23) das 8 às 20h. A oficina será ministrada por Janete Lainha Coelho, presidente da CASAR, Mestra da Cultura Popular e Cordelista. A Literatura de Cordel é uma manifestação literária da cultura popular brasileira, típica do nordeste e se caracteriza pela narração de uma história em forma de poesia e de rimas.

Originalmente o nome de literatura de cordel surgiu por conta da forma que os livros (ou folhetos) eram comercializados antigamente – pendurados em cordas ou barbantes. Interessante que alguns cordelistas ainda mantem essa tradição.

A CASAR é Ponto de Cultura Literatura de Cordel para Todos, Residência Artística Pedagógica e Ponto de Memória do Coronel João de Góes.  E tem apoio da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) através do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA).



maio 2018
D S T Q Q S S
« abr    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
Aguarde as próximas enquetes...


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia