WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
faculdade de ilheus




:: 20/ago/2018 . 19:54

Ministério Público exige cumprimento da legislação para eventos em bares e casas noturnas de Ilhéus

Durante a semana a Polícia Ambiental fiscalizou e proibiu música ao vivo em Bares e botecos, e o ato vem gerando uma grande polêmica em Ilhéus. Por meio das Redes Sociais vários ilheenses condenaram o veto e culparam a prefeitura de Ilhéus pela situação.Nesta segunda-feira (20), a Prefeitura de Ilhéus soltou um release explicando que a fiscalização parte de uma determinação do Ministério Público.

De acordo com a Lei 13.425/2017, que define normas mais rígidas sobre segurança, prevenção e proteção contra incêndios em cumprimento da legislação para eventos em bares e casas noturnas de Ilhéus. A lei define normas mais rígidas sobre segurança, prevenção e proteção contra incêndios que foi criada para evitar tragédias como a da Boate Kiss, em Santa Maria (RS), que deixou 242 mortos em 2013.

Segundo a prefeitura, durante reunião realizada em no início do mês de agosto, entre Ministério Público, Prefeitura, CIPPA, a 68º e 70º Companhia Independente da Polícia Militar, Superintendência do Meio Ambiente, Superintendência de Trânsito (Sutran), Secretaria Municipal da Cultura (Secult), promotores de eventos e proprietários de estabelecimentos noturnos, ficou determinado que o MPE exigirá das instituições competentes o cumprimento rigoroso da legislação. No entendimento, ficou decidido que os interessados em realizar eventos, devem providenciar o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) no órgão. :: LEIA MAIS »

Vilela: Famílias voltam a ocupar o Condomínio Bosque Verde

Advogada Lu Cerqueira com a TV Santa Cruz e famílias que ocuparam condomínio Bosque Verde.

Na última terça-feira (14), famílias ocuparam novamente o condomínio Bosque Verde, no bairro Teotônio Vilela, em Ilhéus. Financiadas pelo programa federal Habitar Brasil e sob a responsabilidade da Prefeitura de Ilhéus, as obras do residencial popular não foram concluídas.

Em 2015, aproximadamente 800 pessoas participaram da primeira ocupação. Segundo a advogada Lu Cerqueira, que presta assistência jurídica ao grupo há três anos, o movimento atual reúne mais de duzentas famílias.

De acordo com Lu Cerqueira, as famílias decidiram voltar para as casas porque a Prefeitura de Ilhéus não cumpriu as condições impostas pela Justiça ao decretar a reintegração de posse. Algumas pessoas foram beneficiadas pelo programa Minha Casa, Minha Vida, no entanto, esse benefício não alcançou a maior parte do grupo.

Ainda segundo a advogada, na época da desocupação, muitas pessoas que aceitaram sair das casas não receberam o auxílio aluguel, apesar da prefeitura ter se comprometido a disponibilizar o benefício a todos os ocupantes com o perfil socioeconômico do programa da Secretaria de Desenvolvimento Social.

Na quinta-feira (16), conforme Lu Cerqueira, prepostos da prefeitura informaram que o recebimento de recursos para a conclusão das obras do condomínio depende da desocupação. No entanto, as famílias que voltaram para o Bosque Verde estão com medo de fazer um acordo com a prefeitura. Temem que eventual compromisso não seja honrado.

Na manhã de hoje (20), a repórter Karen Póvoas, da TV Santa Cruz, conversou com a advogada Lu Cerqueira e membros do movimento de ocupação. O encontro se deu no Bosque Verde, diante das casas inacabadas. O grupo acredita que a visibilidade e a credibilidade da emissora de televisão vão sensibilizar o governo municipal a propor soluções justas para o caso.

Galeria de fotos :

Ilhéus terá eleição para o Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural e Pesqueiro Sustentável

Terminal de Pesqueiro de Ilhéus. Foto Clodoaldo Ribeiro.

A Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca (Seap) de Ilhéus está convocando a sociedade civil organizada para participar da eleição do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural e Pesqueiro Sustentável (Comderupes) com atuação no município, marcada para o próximo dia 27. A convocação foi publicada no Diário Oficial Eletrônico, na última sexta-feira (17), por meio do edital nº 001, disponível no site da Prefeitura (http://www.ilheus.ba.gov.br).

A eleição ocorrerá das 9 às 12 horas, no auditório do Terminal Pesqueiro Público de Ilhéus, localizado à Avenida Coronel Misael Tavares, s/n, centro e atende à recomendação do Conselho Estadual de Desenvolvimento Rural Sustentável (CEDRS), conforme previsto na Lei Nº 3926, de 06 de março de 2018. Além da Seap, o conselho será composto por representantes das secretarias municipais de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável, Governo, Turismo e Educação. Também farão parte membros de órgãos públicos, sindicatos e associações ligadas aos setores de agricultura e pesca.

De acordo com o edital, somente será admitida a participação no Comderupes das organizações juridicamente constituídas, em regular funcionamento e em conformidade com a legislação vigente. As inscrições dos interessados em participar do processo deverão ser feitas antecipadamente, no Terminal Pesqueiro.

Hospital Costa do Cacau oferece exames que reduzem chances de infarto

Hospital Regional do Cacau.

Em apenas quatro meses, de fevereiro a julho, o Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC) realizou mais de 360 exames de cateterismo cardíaco e 14 angioplastias, procedimentos que antes da inauguração da unidade hospitalar (em dezembro de 2017), não eram ofertados em unidades da rede pública de saúde da região Sul do Estado. São procedimentos que reduzem na maioria dos casos, totalmente, a possibilidade de infarto.

“O hospital está dando mais resolutividade aos procedimentos e cirurgias nas especialidades cuja demanda não era suprida. Além disso, a unidade está desafogando e dando melhores condições de atendimento às urgências e emergências dos municípios assistidos”, ressalta o diretor-geral do HRCC, Hernani Vaz Krüger.

Exclusivo para o atendimento de casos de urgência/emergência de média e alta complexidade, o HRCC, além do serviço de hemodinâmica, passou a ofertar para a população do Sul do Estado cirurgias na área de traumatologia, cirurgia de ombro e fêmur e implante de marca-passo. A unidade também voltará a oferecer cirurgias eletivas nas especialidades de ortopedia e geral.

No caso dos exames de cateterismo, o hospital conseguiu em quatro meses atingir a média diária de oito atendimentos. Diretor técnico do HRCC, o médico Cláudio Moura Costa explica que o procedimento permite identificar possíveis obstruções na árvore coronariana e, dessa forma, saber se o paciente necessita de cirurgia cardíaca, ou se será necessário colocar um stent.

Planos de saúde poderão ser obrigados a cobrir tratamentos contra o tabagismo

A Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) acatou proposta, apresentada como sugestão legislativa pelo Instituto Oncoguia, para que os planos de saúde sejam obrigados a cobrir tratamentos contra o tabagismo. Segundo o texto, que começou a tramitar no Senado como projeto de autoria da CDH (PLS 363/2018), a cobertura, além do atendimento ambulatorial, deverá incluir o fornecimento de medicamentos para quem quer se livrar da dependência de nicotina.

O Instituto Oncoguia citou uma pesquisa da Aliança de Controle ao Tabagismo (ACT) dando conta que o país dispende cerca de R$ 20 bilhões anualmente com o tratamento de doenças relacionadas ao cigarro. Um valor 3,5 vezes superior ao que a Receita Federal arrecada sobre a tributação de produtos derivados do tabaco. A entidade ainda avalia que as próprias operadoras de planos de saúde serão beneficiadas com a medida, pois cairão seus custos relacionados ao tratamento das 50 doenças relacionadas ao consumo do tabaco.

Por fim, o Oncoguia alerta que a dependência de nicotina gera um grande desconforto psicológico e físico aos fumantes que tentam se livrar deste vício, o que diminui as chances de êxito. E que 80% dos fumantes desejam parar de fumar, mas apenas 3% conseguem fazer isso sozinhos, o que demanda portanto tratamento específico. ( Agência Senado)

Para FHC o 2º Turno vai ter Bolsonaro e Geraldo Alckmin e detona Haddad

Ex-presidente FHC. Foto divulgação.

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) disse que o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), tem sido visto como “marionete de Lula” e detonou o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL).

“Tenho uma boa relação pessoal com o Haddad. O que acho complicado é que ele está sendo visto como marionete do Lula. Um presidente tem que ter força própria para governar”, afirmou, em entrevista ao jornal O Globo.

Sobre Bolsonaro, FHC disse que o desempenho do capitão da reserva nas pesquisas eleitorais é “reflexo deste momento de incerteza”. “Não creio que ele tenha a experiência e a visão democrática de aceitar o outro com facilidade. O pior, para mim, é que ele tem soluções simplistas e autoritárias”, ressaltou.

Para o tucano, o segundo turno pode ter Bolsonaro e Geraldo Alckmin (PSDB).

Eleições 2018: Fabrício e Jailson Nascimento decidem apoiar Rui Costa

O vereador Fabrício Nascimento (PSB), juntamente com todo o seu grupo político incluindo presidente do Sindtaxi Jailson Nascimento, decidiram durante uma plenária realizada nesta última quinta-feira (16), apoiar Rui Costa ao governo da Bahia, Ângelo Coronel e Jacques Wagner ao Senado.

Segundo Fabrício Nascimento, a plenária debateu os problemas do município de Ilhéus e viu na chapa do atual governador o compromisso com a região cacaueira e a continuidade do trabalho que já vem sendo feito como a construção da nova ponte de Ilhéus e do Hospital do Cacau, e o compromisso de reabertura do Hospital Materno infantil, no antigo Hospital Regional.

faculdade madre thais

agosto 2018
D S T Q Q S S
« jul   set »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  
Aguarde as próximas enquetes...


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia