A regulamentação dos serviços de motoboys e moto táxis de Ilhéus foi discutida, esta manhã (21/09), em Audiência Pública no auditório da Justiça Federal, com a presença de 60 profissionais da área. Eles foram informados sobre todos os aspectos da regulamentação e participaram, ativamente, com sugestões relativas ao cotidiano da categoria.

A audiência foi conduzida por representantes da APPI/APLB Sindicato, Superintendência de Transporte e Trânsito (Sutran), Departamento Estadual de Trânsito (Detran), 68ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), Guarda Municipal, Sindicato dos Agentes de Trânsito da Bahia (Sindatran) e Sindicato dos Bancários.

Após esse primeiro encontro, será marcada uma nova audiência (ainda sem data) para apresentar à categoria como será o texto do Projeto de Lei de regulamentação da atividade e o que muda a partir de sua aprovação. “O Projeto de Lei será sistematizado observando as sugestões que eles mesmos deram. Nossa proposta é encaminhar ao Executivo que, por sua vez, envia para a votação na Câmara de Vereadores e, se aprovado, retorna para sanção do prefeito”, explica a secretária intermunicipal da APPI, Enilda Mendonça.

A ação integra o calendário de atividades da quarta edição do projeto “Ilhéus sem violência é bem melhor” que, este ano, traz o tema “Paz no trânsito: educando para uma cidade mais segura”.