Da Secom PMI

Com o objetivo de chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito, como acontece em todo o mundo, a Coordenação de Educação para o Trânsito, vinculada à Superintendência de Transporte e Trânsito (Sutran), realiza em maio, diversas ações educativas nas principais ruas e avenidas de Ilhéus. As atividades fazem parte do movimento “Maio amarelo”, para colocar em pauta a segurança viária e a segurança da população.

A abertura está prevista para as 8 horas do dia 1º de maio, com concentração na rua Araújo Pinho, centro de Ilhéus, seguida de caminhada no sentido da Praça Dom Eduardo, em frente da Catedral de São Sebastião. Nos dias 2, 3 e 4, das 6 às 9 horas, a Sutran faz panfletagem, conscientização oral e atividade prática com cadeira de rodas e andadores em vagas de carros nas ruas Araújo Pinho, 7 de Setembro e Tiradentes. “O objetivo desta ação é levar reflexão de que o direito do outro deve ser respeitado, possibilitando que o condutor de veículo automotor vivencie a dificuldade dos que realmente necessitam de vagas preferenciais”, lembrou Rogério Buralho, titular da Sutran.

Para os dias 9, 11 e 14 de maio, a partir das 9 horas, os trabalhos serão reiniciados na Praça Cairu, Rua 13 de Maio e posto temático, com panfletagem, conscientização oral, distribuição de brindes (lixeiras) e rosas amarelas às mães. “Neste dia, vamos fazer inversão de valores. Destruir a conotação pejorativa que culturalmente é atribuída à mulher condutora de veículo automotor, ‘só podia ser mulher’ e evidenciar todas as qualidades que ela agrega ao trânsito”, ressaltou Albervan Barreto, coordenador de Educação para o Trânsito, da Sutran.

Ciclistas – Já de 17 a 21 de maio, a Sutran faz panfletagem e passeio ciclístico no perímetro urbano, no terminal rodoviário de Ilhéus, Avenida Soares Lopes, Praça Cairu e caminho principal do bairro Hernani Sá. A proposta é cultivar respeito mútuo, estimular boa convivência entre condutores de veículos automotores e ciclistas. “Algumas bicicletas vão dispor de dispositivo denominado ‘Respeitômetro’, que se refere à distância de segurança quando em movimento entre estes veículos”, observou Albervan Barreto.

Ainda no bojo da campanha “Maio amarelo”, a Sutran programou para os dias 22, 23 e 24, a partir das 8 horas, nas escolas Rotary e Pequeno Davi e Praça Cairu, panfletagem, orientação aos alunos e pedestres como atravessar a faixa, e conscientização de motoristas com a faixa personalizada. “O objetivo é orientar pedestres e condutores de veículos automotores da importância em comunicar-se durante o uso da faixa, por meio de expressão corporal e visual”, lembrou.

Álcool x direção – E encerrando o “Maio amarelo”, nos dias 26, 27 e 28, a Coordenação de Educação para o Trânsito da Sutran realiza caminhada na Faculdade Madre Thais, Barrakítika, Passarela do Álcool, no bairro do Pontal, e em cabanas da praia do sul. O objetivo é alertar para os perigos e estatísticas relacionadas ao uso de bebida alcoólica e direção.