WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
transporte ilegal
Aguarde as próximas enquetes...


Exclusivo: Ministério Público pede intervenção no município de Ilhéus

Para o MP, o prefeito Jabes Ribeiro  adia propositalmente as adoções necessárias para adequar os limites financeiros, para se valer da situação e justificar o descumprimento, outros tantos ditames constitucionais e legais

Para o MP, o prefeito Jabes Ribeiro adia propositalmente as adoções necessárias para adequar os limites financeiros, para se valer da situação e justificar o descumprimento, outros tantos ditames constitucionais e legais.

O MPE- Ministério Público Estadual, na pessoa do promotor Frank Monteiro Ferrrari, abriu inquérito civil na última terça-feira (05), para apurar a gravíssima postura da administração do prefeito Jabes Ribeiro, que não vem acatando ordens judiciais e empreendendo grande esforço no sentido de impedir a continuidade e legitimidade do certame, do Concurso Público (Edital 001/2016), evitando que atinja sua finalidade constitucional estabelecida.

exclusivoNo documento, o promotor pediu a intervenção do estado no município, evocando o art. 35, inciso IV, da Constituição Federal (o Tribunal de Justiça der provimento a representação para assegurar a observância de princípios indicados na Constituição Estadual, ou para prover a execução de lei, de ordem ou de decisão judicial.)

Segundo o Ministério Público, o prefeito Jabes Ribeiro, o procurador Geral do Município, o secretário de administração Ricardo Machado, vem abusando da máquina pública, na condução do concurso público com a postura de perpetuação do reiterado descumprimento, a lei de responsabilidade Fiscal no que permite os limites com pessoal.

O promotor ainda levantou a questão de que a gestão de Jabes, adia propositalmente as adoções necessárias para adequar os limites financeiros, para se valer da situação e justificar o descumprimento, outros tantos ditames constitucionais e legais, a exemplo da exigência de revisão geral e anual da remuneração de seus servidores públicos, contribuindo para a o agravamento da crise nos diversos setores sensíveis da sociedade, como a educação pública municipal, ou do abusivo aumento do IPTU.

6 respostas para “Exclusivo: Ministério Público pede intervenção no município de Ilhéus”

  • marco says:

    Parabéns ao promotor,pois já percebeu as artimanhas desse governo,esse prefeito nunca cumpre as leis tá na hora da justiça colocá-lo na cadeia,pois é o lugar de quem não cumpre as leis.

  • JOSE says:

    Simplesmente um ditador!

  • Jamal says:

    Entre o poder político, supostamente transitório e o poder legítimo da Justiça; somos levados a crer, espelhado na atual situação porque passa o país, que o nosso prefeito, de vultoso histórico de desrespeito às leias e, consequentemente, às ações da Justiça. Também vai empurrar mais esse inquérito para juntos de outras ações que mofam contra si debaixo dos tapetes.

  • guimaraes says:

    So no fim do mandado desse incompetente que o MP age
    mas antes tarde do que nunca , mas o grande pai do Jabes no TJ e no TCM c/vao ajudar ele e engavetar mais esse processo.

  • Rodrigo says:

    Em suma, esse concurso vai acontecer ou não na data prevista no último edital ?

  • Está claro que quem manda e desmanda nessa cidade é Jabes,pois as ações contra ele só tem sido para ocupar prateleiras no fórum e contribuir para o desmatamento de nossa flora.

Deixe seu comentário

abril 2016
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia